Copa América

Brasil x Argentina: onde assistir ao vivo, prováveis escalações, hora e local; decisão da Copa América

Nathália Almeida
Neymar e Messi são as grandes estrelas do duelo
Neymar e Messi são as grandes estrelas do duelo / MAURO PIMENTEL/Getty Images
facebooktwitterreddit

14 anos se passaram desde a última vez que Brasil e Argentina decidiram uma edição de Copa América. Na ocasião, ainda regida por Dunga, a Canarinho sobrou e bateu sua arquirrival por 3 a 0, celebrando a 8ª conquista deste torneio.

Anfitriã e atual campeã, a Seleção Brasileira quer muito o bicampeonato, mas sabe que não terá vida fácil: encara um adversário "sedento", movido (e pressionado!) pela seca de títulos que já dura 28 anos. Quem levará a melhor neste duelo de titãs?

Confira, a seguir, todas as informações sobre este clássico entre duas das maiores seleções do futebol mundial:


Onde assistir e demais informações:

neymar messi brasil argentina copa america
Neymar e Messi: estrelas querem taça pela seleção / CARL DE SOUZA/Getty Images

A partida entre Brasil e Argentina, válida pela grande decisão da Copa América 2021, terá transmissão do canal aberto SBT e do canal fechado ESPN Brasil.

Data e hora: Sábado, 10 de julho, às 21h de Brasília
Local: Maracanã, em Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Esteban Ostojich (URU)
VAR: Andrés Cunha (URU)


Prováveis escalações

Brasil

neymar selecao brasileira
Brasil venceu o Peru na semifinal / Buda Mendes/Getty Images

Provável equipe: Ederson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva, Renan Lodi; Casemiro, Fred, Lucas Paquetá; Richarlison, Neymar, Everton Cebolinha.

Informações adicionais: nenhuma grande surpresa na escalação verde e amarela que sairá jogando na grande final da Copa América. Com Gabriel Jesus suspenso pela expulsão diante do Chile, Tite seguirá apostando em Everton Cebolinha, apesar do ex-Grêmio não ter emplacado boas apresentações nesta Copa América. Alex Sandro está recuperado de problema físico, mas deve aparecer como opção entre os reservas.


Argentina

Lautaro Martinez, Lionel Messi, Nicolás Gonzalez
Messi e Lautaro têm dialogado bem nesta Copa América / Pedro Vilela/Getty Images

Provável equipe: Emi Martínez; Molina, Otamendi, Pezzella (Romero), Tagliafico (Acuña); Guido Rodríguez, De Paul, Lo Celso; Nico González, Lionel Messi, Lautaro Martínez.

Informações adicionais: o técnico Lionel Scaloni não tem baixas em seu elenco para esta decisão, e o mais provável é que vejamos em campo a mesma equipe que venceu a Colômbia, nos pênaltis, na semifinal. O zagueiro Romero e o lateral Acuña aparecem em algumas prévias como 'ameaças' à titularidade de Pezzella e Tagliafico, mas é improvável que a comissão técnica albiceleste mude um lado inteiro da defesa antes de uma final.


Como chegam as equipes ao duelo

Melhor defesa da competição com apenas dois gols sofridos na campanha, a Seleção Brasileira não 'encheu os olhos' nas partidas contra Chile (quartas) e Peru (semifinal), mas competiu muito e conseguiu passar ilesa com duas vitórias por 1 a 0. Além de Neymar, a solidez defensiva e as atuações de Casemiro são os os destaques desta equipe.

A Argentina também faz uma Copa América muito competitiva. São 11 gols marcados até aqui, sendo que nove deles passaram diretamente pelos pés do melhor do mundo, Lionel Messi. Quatro gols e cinco assistências para o camisa 10, fundamental na vitória por 3 a 0 contra o Equador (quartas) e na semifinal contra a Colômbia.

facebooktwitterreddit