Bola de Ouro 90min: especialistas elegem os melhores jogadores da temporada; veja o ranking

Rodrigo Salomao
facebooktwitterreddit

Não é porque a France Football cancelou a entrega da Bola de Ouro este ano que somos obrigados a ficar de braços cruzados, não é mesmo? Seria justo que os grandes craques desta temporada tão atípica de 2019/20 fossem reconhecidos e coroados pelo que demonstraram. E foi pensando nisso que nós do 90min Brasil resolvemos elaborar a nossa própria premiação. Conversamos com jornalistas de diversos veículos diferentes, vários perfis de futebol nas redes sociais, elaboramos um critério e - mágica! - temos o eleito.

As regras eram muito simples: cada especialista foi convidado a escolher os 5 melhores do mundo da última temporada, numa ordem do primeiro ao quinto. O primeiro colocado recebeu 5 pontos, o segundo computou 4 pontos, o terceiro somou 3, enquanto o quarto e o quinto angariavam 2 e 1 pontos respectivamente. E foi assim que nós chegamos ao seguinte Top 5:

5. Manuel Neuer - 20 pontos

Olympique Lyonnais v Bayern Munich - UEFA Champions League Semi Final
Olympique Lyonnais v Bayern Munich - UEFA Champions League Semi Final / Pool/Getty Images

"Teve participações fundamentais em todos os momentos chave de partidas, tanto na Champions quanto na Bundesliga, fazendo defesas importantes quando, por exemplo, os jogos contra Lyon e PSG estavam empatados. Além disso, depois de várias falhas em anos anteriores, deu a volta por cima com todo o merecimento do mundo", escreveu o perfil @ofutebolnews, que colocou o arqueiro em terceiro lugar na sua lista.

Neuer também foi votado em terceiro pelo jornalista Vitor Sérgio Rodrigues, dos canais Esporte Interativo, que assim justificou sua menção ao alemão:

"Voltou a jogar no nível que o colocou entre os maiores goleiros de todos os tempos. Decisivo na semi e na final da Champions, ainda fez o jogo do time fluir participando com os pés."

4. Lionel Messi - 36 pontos

FC Barcelona v RCD Mallorca  - La Liga
FC Barcelona v RCD Mallorca - La Liga / Alex Caparros/Getty Images

Uma temporada sem títulos, atípica no Camp Nou, mas que seguramente não tem a ver com o rendimento de Lionel Messi. O craque argentino teve estatísticas impressionantes apesar dos pesares à sua volta:

"O Barcelona só não sumiu do mapa por conta dele. Mesmo com o time mal na temporada, Messi se sobressaiu", justificou o perfil Doentes Por Futebol, que colocou La Pulga em quarto lugar. A jornalista Clara Albuquerque, do EI, foi na mesma linha: "Apesar da temporada do Barcelona, Messi segue com números e atuações absurdas", disse ao colocá-lo com a medalha de bronze.

E já que tanto se falou de números, ninguém melhor que o SofaScore para nos trazer com clareza quão boa foi a temporada de Leo:

"Desde Thierry Henry (2002/03) um jogador não atingia a marca de 20+ gols e 20+ assistências entre as TOP 5 ligas da Europa (...) Entre todos os jogadores das 5 maiores ligas da Europa, Messi foi líder em assistências (ao lado de Müller), participações em gols, grandes chances criadas e passes certos no terço final do campo", analisou o perfil, que votou em Messi na quarta posição.

3. Kevin De Bruyne - 68 pontos

Manchester City v Lyon - UEFA Champions League Quarter Final
Manchester City v Lyon - UEFA Champions League Quarter Final / Alex Livesey - Danehouse/Getty Images

“O jogo do Manchester City passou por ele”. A frase da jornalista Tati Mantovani (que votou no belga em segundo lugar) resume bem a importância que De Bruyne tem para o time montado por Pep Guardiola.

"Nove gols, oito assistências e um título da Copa da Liga Inglesa. As atuações individuais de De Bruyne na temporada o colocaram no ranking, mesmo sem o City ter conseguindo superar o Liverpool na corrida pela Premier League", falou a página Manual do Jogador Ruim.

Linha de raciocínio similar ao do jornalista Mário Marra, da ESPN: "Um jogador especial em uma temporada em que o time foi abaixo do rendimento dele."

O meia, na Premier League, foi o líder em assistências (20), participações em gols (33), passes para finalização (137), grandes chances criadas (33), além de outros diversos quesitos, como apontou o SofaScore.

2. Neymar - 80 pontos

FBL-FRA-LE HAVRE-PSG-FRIENDLY
FBL-FRA-LE HAVRE-PSG-FRIENDLY / ANNE-CHRISTINE POUJOULAT/Getty Images

Segundo nome mais lembrado pelos especialistas, Neymar foi o grande nome do PSG na reta final da Champions League. A temporada mais curta na Ligue 1, é verdade, afetou um pouco a análise dos números. Mas inegável que foi um ano de muitos holofotes no futebol desempenhado pelo brasileiro, ainda mais por ter carregado seu time à decisão europeia pela primeira vez em sua história, como destacou o narrador João Guilherme, do Fox Sports, que também teve a companhia do jornalista Ademir Quintino.

"Mesmo com o encerramento precoce do campeonato francês, Neymar apresentou um ótimo nível sempre que esteve em campo, sendo peça central do PSG. Não vencer o título da Liga dos Campeões não apaga a ótima temporada do brasileiro", escreveu a página Calcionalizando.

Para as páginas @neymarjrdepre e Cenas Lamentáveis, Ney foi o melhor do mundo no período:

"Claro que números e títulos são muito importantes, mas eu sempre dou mais peso ao FUTEBOL que o cara joga mesmo. Pra mim, essa é a ordem de quem jogou mais bola na temporada 19/20", disse o Cenas.

"Fica em segundo por ter perdido a Champions, mas leva o prêmio de MELHORES MUSICAS CHEGANDO NO ESTÁDIO", apontou Magno Navarro, um expert da alegria das pernas.

Por outro lado, apontado como quinto lugar por Clara Albuquerque, a correspondente fez uma ressalva: "Uma grande temporada, mas que não supera os outros por ser no francês".

1. Robert Lewandowski - 123 pontos

Votado como primeiro lugar por 23 dos 25 participantes, Lewa foi mencionado no topo por Marcelo Bechler e Bruno Formiga, dentre muitos outros. O centroavante do Bayern de Munique foi coroado com pompas, louvor e tudo mais que for possível como o melhor jogador da temporada 2019/20. Para se ter uma ideia da enormidade que foi a sua participação, vamos destacar a fala do jornalista Rodolfo Rodrigues, do UOL:

"Artilheiro e campeão das três principais competições que disputou com o Bayern. Feito único na história."

E pessoal do SofaScore foi além, fornecendo dados a respeito do assunto:

"Lewandowski atingiu a incrível marca de 55 gols em 47 jogos e precisou de apenas 75 minutos para balançar as redes somando todas as competições. Na UEFA Champions League, teve uma média absolutamente incrível de 1.5 gols por jogo e marcou em 9 dos 10 jogos disputados".

"Temporada autoexplicativa depois de tudo que fez e ganhou", foi na mesma linha a página Cristiano Ronaldo Brasil.

Num Bayern tão dominante e tão avassalador, nada mais justo que eleger o seu principal nome como melhor do mundo ao longo do ano. Nenhuma surpresa, mas muita justiça.

O Top 10 do Ranking, portanto, ficou:

1. Lewandowski
2. Neymar
3. De Bruyne
4. Messi
5. Neuer
6. Cristiano Ronaldo
7. Thomas Muller
8. Mbappé
9. Kimmich
10. Benzema
Mané
Salah

Além desses jogadores, foram votados Henderson, Everton Ribeiro, Haaland, Thiago Alcântara
e...Digão (sem nenhum clubismo do Magno Navarro)!

Por fim, fazemos questão de ressaltar nossos agradecimentos nominalmente a todos que aceitaram participar:

Ademir Quintino
Bayern München Brasil
Bola Fora
Bruno Formiga
Calcionalizando
Cenas Lamentáveis
Clara Albuquerque
Cristiano Ronaldo Brasi
Diori Vasconcelos
Doentes Por Futebol
Fernando Campos
Futebol News
FutRaiz_Fc
João Guilherme
Magno Navarro
Manual do Jogador Ruim
Marcelo Bechler
Mário Marra
neymar jr deprê
Renan Prates
Rodolfo Rodrigues
Rodrigo Bueno
SofaScore
Tati Mantovani
Vitor Sérgio Rodrigues

Foi um prazer contar com a contribuição de todos.

facebooktwitterreddit