Copa Libertadores

Boca Juniors protagoniza confusão e quebra-quebra em vestiário após eliminação; veja

Nathália Almeida
Boca Juniors foi eliminado pelo Atlético-MG nas penalidades
Boca Juniors foi eliminado pelo Atlético-MG nas penalidades / Pool/Getty Images
facebooktwitterreddit

Em condições normais, o Boca Juniors já não costuma aceitar bem as derrotas, especialmente em uma competição na qual tem status de "semideus", a Conmebol Libertadores. Em derrotas com asterisco ou controvérsia, no entanto, esse cenário costuma piorar: nelas, o gigante argentino mostra a sua pior faceta, e foi isso que aconteceu na noite desta terça (20), em Belo Horizonte.

Eliminado pelo Atlético-MG nas oitavas da competição - 3 a 1 nas penalidades, após teimoso empate em 0 a 0 por 180 minutos de duelo -, o Boca não aceitou nada bem os dois gols anulados que teve na eliminatória, protagonizando cenas lamentáveis na saída do gramado do Mineirão após o apito final: quebra-quebra, tumulto, confusão e tentativa de invasão do vestiário do Galo, contida pelos seguranças e policiais presentes no local. Veja imagens:

Foi a primeira vez na história da Libertadores que um clube brasileiro conseguiu eliminar o Boca Juniors em penalidades. Classificado às quartas de final da competição continental, o Galo agora retorna suas atenções ao Brasileiro, tendo o Bahia como seu próximo adversário, no domingo (25).

facebooktwitterreddit