Futebol Internacional

Bilionário americano faz primeira oferta para a compra do Chelsea

Matheus Nunes
Roman Abramovich deseja fechar a negociação o mais rápido possível
Roman Abramovich deseja fechar a negociação o mais rápido possível / Alex Livesey - Danehouse/GettyImages
facebooktwitterreddit

O bilionário americano Todd Boehly fez uma oferta para comprar o Chelsea e agora aguarda a resposta de proprietário do clube, Roman Abramovich. A proposta foi oficialmente apresentada por meio do banco comercial Raine. O bilionário russo estipulou o dia 15 de março como prazo final para ouvir possíveis interessados na aquisição dos Blues. Segundo informações que circulam na imprensa inglesa, o magnata quer 3 bilhões de libras (R$ 19,9 bilhões).

Há outros interessados e a atual diretoria do clube londrino adota cautela para estudar todas as ofertas e analisar os prós e contras até tomar a melhor decisão. Boehly é sócio-proprietário do time de beisebol Los Angeles Dodgers e não deve encontrar muitas dificuldades para fechar a negociação.

Hansjorg Wyss, suíço que está junto com Boehly nas conversas, confirmou a negociação. "Eu e três outras pessoas recebemos uma oferta para comprar o Chelsea de Abramovich".

O Chelsea é um dos gigantes europeus, com 21 títulos conquistados nos últimos 19 anos, inclusive sendo o atual campeão da Liga dos Campeões e do Mundial de Clubes, vencido em cima do Palmeiras.

facebooktwitterreddit