Barcelona renova com Ter Stegen até 2028 com multa de 500 milhões de euros

  • Goleiro de 31 anos está há dez temporadas
  • Ele é titular absoluto no time de Xavi Hernández

Ter Stegen é goleiro do Barça e da seleção alemã
Ter Stegen é goleiro do Barça e da seleção alemã / Angel Martinez/GettyImages
facebooktwitterreddit

O goleiro alemão Ter Stegen continuará sendo o principal nome da meta do Barcelona até junho de 2028.

Nesta sexta-feira (25), o time blaugrana anunciou oficialmente a extensão contratual do atleta de 31 anos e que está no clube desde a temporada 2014/2015. Com um novo vínculo de mais três temporadas de contrato, o clube estabelece uma multa rescisória de 500 milhões de euros (R$ 2,6 bilhões na cotação atual).

"Olá, Culés, acabo de renovar meu contrato e estou muito feliz por estar aqui mais cinco anos com você. Espero vencer esses cinco anos e podermos arrecadar muitos troféus juntos. Tenha um bom dia e até breve."

Ter Stegen, goleiro do Barcelona

feed

Visando um bom gerenciamento do fair play financeiro da La Liga, segundo o jornal catalão "Mundo Deportivo", o Barça determinou que parte do salário do goleiro será diluído ao longo dos próximos dois anos. Além disso, o alemão passará a ganhar um salário um pouco mais baixo neste novo ciclo de contrato. Esta estratégia permitiria que o time comandado pelo técnico Xavi Hernández inscreva o goleiro reserva Iñaki Peña.

Marc-Andre Ter Stegen
Goleiro está no Barça há dez temporadas / Alex Caparros/GettyImages

Revelado pelo Borussia Mönchengladbach, Ter Stegen atuou no profissional do clube alemão entre a temporada de 2009/2010 e 2013/2014, sendo comprado pelo time espanhol. Ele chegou ao futebol basco aos 22 anos de idade, por 12 milhões de euros, e soma 379 jogos até aqui.

Ao longo deste período ele enfileirou títulos, como cinco edições do Campeonatos Espanhol (2014/15, 2015/16, 2017/18, 2018/19 e 2022/23), cinco taças Copa do Rei (2014/15, 2015/16, 2016/17, 2017/18 e 2020/21), três edições da Supercopa da Espanha (2016, 2018 e 2022/23), uma Champions League (2014/15), uma Supercopa da UEFA (2015), um Mundial de Clubes da FIFA (2015), uma International Champions Cup (2017) e um Troféu Joan Gamper (2017).

O alemão poderá se aproximar ainda mais de Zubizarreta, com 410 partidas, e Víctor Valdés, com 535, os dois goleiros que mais vezes atuaram com a camisa do clube na história. Símbolo de experiência, Ter Stegen será peça fundamental nessa reconstrução do Barcelona que se estenderá pelos próximos anos.