Futebol brasileiro

Atuação de VAR em clássico da Copa do Brasil interfere diretamente em rodada das séries A e B - entenda

Fabio Utz
São Paulo acabou eliminando o Palmeiras da Copa do Brasil
São Paulo acabou eliminando o Palmeiras da Copa do Brasil / Alexandre Schneider/GettyImages
facebooktwitterreddit

As polêmicas de arbitragem do Choque-Rei da última quinta-feira, pela Copa do Brasil, têm repercussão direta nas séries A e B do Campeonato Brasileiro. A CBF decidiu colocar 'sob avaliação de seu desempenho técnico' a dupla do VAR que atuou no duelo entre Palmeiras e São Paulo, no Allianz Parque.

E isso fez com que, de imediato, a Comissão de Arbitragem mudasse escalas. Emerson de Almeida Ferreira (árbitro de vídeo) e Marcus Vinicius Gomes (assistente do árbitro de vídeo) trabalhariam neste sábado em Athletico-PR x Inter, pelo Brasileirão, e na segunda-feira em Sport x Vila Nova, pela segunda divisão. A dupla, porém, foi substituída na última hora.

Houve muita contestação em relação à postura da arbitragem de vídeo no clássico que culminou na classificação do São Paulo diante do Palmeiras. Um possível pênalti de Diego Costa em Dudu foi bastante reclamado, e os assistentes sequer chamaram o árbitro Leandro Vuaden para análise das imagens. Além disso, uma suposta não observação de impedimento de Calleri em lance que culminou na marcação de pênalti sobre o argentino e a própria infração assinalada ainda não foram foram digeridas pelos alviverdes.

facebooktwitterreddit