Atlético-GO reage contra o Palmeiras e respira no Brasileirão; Verdão retoma ampla vantagem na liderança

Bia Palumbo
Scarpa novamente foi decisivo ao dar assistência para o gol palmeirense
Scarpa novamente foi decisivo ao dar assistência para o gol palmeirense / Heber Gomes/AGIF/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

Um ponto para cada lado. Este foi o saldo de Atlético-GO e Palmeiras, que empataram em 1 a 1 na 31ª rodada do Brasileirão, resultado construído com gols no segundo tempo de Murilo e Shaylon.

O líder do campeonato buscava a sexta vitória consecutiva e saiu na frente, viu a diferença para o Inter (2º colocado) diminuir de 12 para 10 pontos, mas manteve a invencibilidade fora de casa e conseguiu pontuar mesmo com um desempenho abaixo do esperado. O Dragão, por sua vez, conseguiu mostrar poder de reação e está mais perto de sair da zona de rebaixamento.

"A gente sempre quer a vitória. No decorrer do jogo sofremos o gol e suportamos bem. É importante manter 10 pontos na frente, agora é dar continuidade ao trabalho para ir somando pontos. Estamos pensando jogo a jogo e vamos fortes para o clássico."

Murilo. zagueiro do Palmeiras

O jogo começou movimentado e o Atlético-GO teve duas boas oportunidades para abrir o placar, a primeira com Luiz Fernando que Gustavo Gómez tirou em cima da linha, e outra com Wellington Rato, que ficou cara a cara com Weverton, mas o goleiro salvou.

Mayke, Piquerez e Scarpa responderam com chutes de longa distância, mas sem perigo, e a melhor chance alviverde saiu quando Murilo apareceu na área para desviar cobrança de escanteio e Renan espalmou. O lance parecia um ensaio do que estava por vir, visto que no segundo tempo Scarpa novamente levantou na área e desta vez o zagueiro cabeceou firme para o fundo do gol.

O Dragão respondeu com duas alterações ofensivas e assim chegou ao empate. Jorginho e Shaylon entraram e o segundo balançou a rede. Marlon Freitas acionou Dudu na direita, Weverton afastou parcialmente e então o meio-campista aproveitou o rebote.

Com o gol sofrido o Palmeiras se arriscou mais, Scarpa cobrou falta perto do travessão e Abel Ferreira ainda renovou o fôlego do setor ofensivo e terminou a partida com quatro atacantes - Breno Lopes, Wesley, Rafael Navarro e Merentiel, mas não foi suficiente para fazer o segundo.

"Feliz pelo gol. Empate para ser valorizado, para manter nossa sequência de três vitórias, continuar somando pontos que só assim vamos sair dessa zona que ninguém quer ficar."

Shaylon, meio-campista do Atlético-GO

A notícia ruim para Abel Ferreira é que o atacante Rony vai cumprir suspensão no clássico diante do São Paulo, próximo jogo do Palmeiras, marcado para domingo (16) no Allianz Parque. Já o Dragão vai até a Serra Gaúcha encarar o Juventude.

facebooktwitterreddit