Listas

As 'supermães' por trás das superestrelas do futebol

Nathália Almeida
May 9, 2021, 7:37 AM GMT-3
Cristiano têm uma relação muito forte com sua mãe, Dolores Aveiro
Cristiano têm uma relação muito forte com sua mãe, Dolores Aveiro / Chris Brunskill/Fantasista/Getty Images
facebooktwitterreddit

Por trás do sucesso de todo atleta de alto rendimento, sempre está uma grande rede de apoio, que costuma ter como base de sustentação aquela que é a primeira 'célula social' de todo indivíduo: a família. Como celebramos o Dia das Mães neste domingo (9), dedicaremos este espaço para falar e homenagear as "supermães" do mundo da bola: pelo suor e sacrifício delas, seus filhos puderam se tornar grandes estrelas do futebol. Confira:

1. Miguelina - mãe de Ronaldinho

ronaldinho gaucho barcelona dona miguelina
Dona Miguelina, mãe de Ronaldinho, faleceu de Covid-19 neste ano / Luis Bagu/Getty Images

Ao longo de toda a sua carreira profissional e até mesmo depois de pendurar as chuteiras, Ronaldinho Gaúcho sempre fez questão de destacar a importância de sua mãe, Dona Miguelina Elói, na construção de sua jornada de sucesso dentro das quatro linhas.

Desde guri, o gaúcho recebeu de sua mãe todo o suporte e incentivo para abraçar a carreira esportivo e, inspirando-se na força dela, 'Dinho' tornou-se um dos maiores. Dona Miguelina faleceu em fevereiro de 2021 em virtude da Covid-19.

2. Yeo Moriba - mãe de Paul, Florentin e Mathias Pogba

paul pogba yeo moriba
Yeo Moriba criou três filhos sozinha / Jean Catuffe/Getty Images

Em 2018, Paul Pogba atingiu a realização máxima que um jogador de futebol pode alcançar: conquistou a Copa do Mundo vestindo a camisa de seu país. Mas para que isso fosse possível, um longo caminho precisou ser percorrido por Yeo Moriba, sua mãe.

De origem humilde, ela precisou fazer grandes sacrifícios e abrir mão de muitas coisas para criar sozinha seus três filhos: Paul, Mathias e Florentin. Hoje, os três jogam futebol profissionalmente, sendo Paul uma das grandes estrelas do Manchester United e da atual geração francesa.

3. Dolores Aveiro - mãe de Cristiano Ronaldo

maria dolores aveiro cristiano ronaldo juventus
Dolores Aveiro é a fã número 1 de Cristiano Ronaldo / Chris Brunskill/Fantasista/Getty Images

Cristiano Ronaldo não esconde o quanto é apegado à sua mãe, e isso fica evidente em cada discurso e em cada conquista do astro português, eleito melhor do mundo cinco vezes. A vida dos Aveiro nem sempre foi fácil, muito pelo contrário: Dolores chegou a cogitar interromper a gravidez do caçula por acreditar que não teria condições de criar mais um filho.

Felizmente, CR7 veio ao mundo e tornou-se o que conhecemos, graças ao apoio incessante de sua mãe desde os primeiros passos de carreira. Ela esteve ao seu lado quando o luso precisou passar por uma cirurgia cardíaca aos 15 anos, e em todos os outros momentos, felizes ou críticos, do astro.

4. Melanie Rashford - mãe de Marcus Rashford

O sucesso do jovem atacante do Manchester United é, por tabela, o sucesso de uma mãe perseverante que driblou todos os prognósticos negativos para educar e criar, sozinha, seus cinco filhos. As dificuldades foram muitas, mas elas se transformaram em combustível para que Marcus prosperasse e, ainda mais importante que isso, se tornasse um agente de transformação social.

Hoje o jovem inglês de 23 anos é uma das vozes ativas no meio esportivo na luta contra a desigualdade, utilizando sua voz e seu alcance para mudar a realidade de crianças e jovens em situação de vulnerabilidade.

5. Ilaídes Padilha - mãe de Danilo

Fechamos essa lista com uma mãe que tocou o coração de milhões de brasileiros, ao deixar de lado por alguns instantes o seu luto - o maior dos lutos que pode haver para uma mãe, a perda de um filho -, para confortar alguém em sofrimento.

Dona Ilaídes Padilha, mãe do goleiro Danilo, uma das vítimas fatais do trágico acidente do avião da Chapecoense, deu uma aula de humanidade e empatia ao abraçar o repórter Guido Nunes durante uma entrevista na Arena Condá poucos dias após o ocorrido.

A força de Dona Ilaídes é inspiração e mantém a memória de Danilo, guerreiro alviverde, viva para sempre.

facebooktwitterreddit