Opinião

As lições que Antonio Mohamed pode tirar depois da primeira derrota do Atlético-MG na temporada

Lucas Humberto
Gramado ruim e pouca inspiração dos suplentes marca primeira derrota do Galo na temporada
Gramado ruim e pouca inspiração dos suplentes marca primeira derrota do Galo na temporada / GILSON JUNIO/W9 PRESS/GAZETAPRESS
facebooktwitterreddit

Ironicamente ou não, no mesmo dia em que o Atlético-MG foi considerado o melhor clube do mundo em janeiro pela IFFHS, veio a primeira derrota na temporada. Enfrentando a URT, pela quinta rodada do Campeonato Mineiro, o Galo perdeu por 1 a 0, gol de Wanderlan. Com plantel inteiramente formado por reservas, Antonio Mohamed viu seus jogadores sucumbirem ao gramado ruim num dia de quase nenhuma inspiração tática.

Eduardo Sasha e Fábio Gomes, por exemplo, que até formaram boa dupla em rodadas anteriores, simplesmente não compareceram ao compromisso em Patos de Minas. El Turco, mesmo assim, deixou ambos em campo durante tempo demais. Savinho, por outro lado, parece ter sido a única peça que aproveitou bem. Estreante no duelo desta quarta (09), o jovem de 17 anos mostrou ter a ousadia necessária para brilhar no futebol brasileiro. Só precisa evitar a queda em qualquer esbarrão.

Protegendo a meta, Rafael novamente não foi bem no lance mais definitivo da partida: o gol decisivo URT. A defesa, aliás, teve em Igor Rabello sua única referência. Acontece que nem o experiente zagueiro estava bem. Mohamed acerta em dar oportunidades aos reservas no pouco expressivo Mineirão. Mas e quando as próprias peças não aproveitam? Bem, você tem um revés apático como o do Galo.

Para infelicidade de El Turco, ele se despede de Patos de Minas sem ver nenhum dos reservas brilhar. Pelo contrário. Se o Galo tivesse uma partida decisiva hoje, e algum dos titulares habituais estivesse lesionado, Mohamed não teria grandes alternativas. Algo preocupante, claro, visto que o extenso calendário será ainda mais abarrotado em 2022. No sábado (12), o Atlético-MG terá seu primeiro clássico no ano: embate com o América-MG, às 16h30 de Brasília.

facebooktwitterreddit