Olimpíadas

As 5 maiores 'zebras' do torneio de futebol nas Olimpíadas de Tóquio

Nathália Almeida
Tricampeã, seleção dos Estados Unidos caiu nas semifinais do feminino
Tricampeã, seleção dos Estados Unidos caiu nas semifinais do feminino / Naomi Baker/Getty Images
facebooktwitterreddit

Tentar prever o que vai acontecer e quem vai medalhar no futebol dos Jogos Olímpicos é missão das mais ingratas, afinal de contas, a modalidade costuma ser bastante imprevisível especialmente no masculino. Em Tóquio, este cenário vem se confirmando uma vez mais: já são inúmeras 'zebras' passeando na competição, atingindo até mesmo o futebol feminino, que terá uma finalista inédita nesta edição.

Pensando nisso, o 90min decidiu elencar os 5 resultados mais surpreendentes do futebol nestas Olimpíadas do Japão. Confira:


5. Suécia 3 x 0 Estados Unidos - 1ª rodada - Feminino

Suécia Estados Unidos olimpiadas
Suécia passou o carro em cima das atuais campeãs mundiais / YOSHIKAZU TSUNO/Getty Images

Antes da bola rolar pelo duelo de primeira rodada entre Suécia e Estados Unidos, era difícil se lembrar a última vez que a USWNT havia perdido uma partida de forma categórica, sendo dominada em todos os níveis de um jogo de futebol. Foi exatamente isso que aconteceu diante das suecas, que simplesmente não tomaram conhecimento das atuais campeãs mundiais e inauguraram sua trajetória nas Olimpíadas com vitória por 3 a 0.

Era um presságio do que o torneio reservaria para estas duas equipes.

4. México 6 x 3 Coréia do Sul - Quartas - Masculino

Henry Martin
México está voando ofensivamente neste torneio / Francois Nel/Getty Images

O México tem um ótimo time e costuma levar muito a sério as Olimpíadas, portanto, não é nenhuma surpresa que esteja nas semifinais na atual edição. Surpreende, no entanto, a forma como eliminou uma das equipes que melhor se apresentou durante a primeira fase: a Coréia do Sul.

Explosão ofensiva da Tricolor e goleada por 6 a 3 sobre o rival oriental em plena fase de quartas de final, um resultado atípico e muito celebrado pelos mexicanos. Abre o olho, Brasil!

3. Queda precoce da Argentina

Spain v Argentina: Men's Football - Olympics: Day 5
Argentina não fez bons jogos nas Olimpíadas / Atsushi Tomura/Getty Images

É verdade que muitos especialistas cravaram que esta não era, nem de longe, uma geração que inspirava confiança para ser protagonista em Tóquio, mas poucos poderiam imaginar que a Argentina deixaria o torneio ainda em sua fase de grupos. Com uma vitória, um empate e uma derrota em três jogos, não conseguiu passar às quartas.

Desempenho bem melancólico para uma seleção que ostenta o status de bicampeã olímpica.

2. Japão 4 x 0 França - 3ª rodada - Masculino

Nakayama Yuta
Japão atropelou a França / Zhizhao Wu/Getty Images

Apontada por muitos como a equipe a ser observada de perto nestes Jogos Olímpicos, a França não só se despediu ainda na fase de grupos, como ainda sofreu duas goleadas em três partidas disputadas. A derrota mais pesada da jornada nada inspirada dos Azuis em solo nipônico aconteceu no dia 28 de julho: 4 a 0 para o Japão, no Yokohama Stadium. Este resultado acabou selando o adeus da França na competição.

1. Canadá 1 x 0 Estados Unidos - Semifinais - Feminino

canada Estados Unidos futebol feminino
Canadá impôs a maior zebra das Olimpíadas até aqui / KAZUHIRO NOGI/Getty Images

Sem dúvida, a maior zebra do futebol olímpico nesta edição dos Jogos.

No futebol feminino, o Canadá vinha sendo, para os Estados Unidos, aquele rival que merece a alcunha de "freguês de carteirinha": não vencia a equipe norte-americana desde o ano de 2001. Para se ter uma ideia, esta foi apenas a quarta vitória das canadenses em 62 duelos contra a USWNT.

Um jogo que ficará marcado na história do futebol canadense, e que levou o time de Beverly Priestman à sua primeira final de Olimpíadas.

facebooktwitterreddit