Listas

As 10 transferências mais inesperadas dos últimos anos

Matheus Nunes
Daniel Alves assinou com o Pumas (México) nesta temporada
Daniel Alves assinou com o Pumas (México) nesta temporada / Manuel Velasquez/GettyImages
facebooktwitterreddit

Dizem que o futebol é uma caixinha de surpresas - e isso pode ser provado tanto dentro quanto fora de campo. Quando abre a janela de transferências, podemos esperar de tudo, até mesmo aquelas contratações surpreendentes que repercutem no mundo todo. Pensando nisso, o 90min lista a seguir 10 reforços inesperados que aconteceram no século XXl.

1. Casemiro

Multicampeão com a camisa do Real Madrid, o meio-campista de 30 anos deixou o clube onde é ídolo nesta temporada para defender o Manchester United. Será a primeira experiência dele no futebol inglês.

2. Luís Suárez

Após construir uma carreira toda na Europa, com muitos títulos e gols, o atacante de 35 anos retornou para a América do Sul nesta temporada, deixando o Atlético de Madrid para defender o Nacional (Uruguai), clube que lhe revelou.

3. Ronaldinho Gaúcho

Ronaldinho
Gaúcho defendeu o Querétaro por uma temporada / Hector Vivas/GettyImages

Depois de brilhar com a camisa do Atlético-MG, sendo um dos principais jogadores do time na campanha do título da Libertadores em 2013, o 'Bruxo' se transferiu para o Querétaro (México) em 2015, onde fez 29 jogos e marcou oito gols.

4. Alexandre Pato

Alexandre Pato, ex-atacante do Corinthians
Pato marcou 17 gols em 62 jogos pelo Timão / Helio Suenaga/GettyImages

Em 2013, a diretoria do Corinthians desembolsou R$ 40 milhões para tirar o atacante do Milan, mas ele ficou menos de um ano no clube e saiu envolvido em uma troca que levou Jadson para o Parque São Jorge.

5. Insigne

Maior artilheiro da história do Napoli, o italiano deixou o clube onde é ídolo para ser o jogador mais bem pago da MLS. Aos 31 anos, ele se transferiu para o Toronto FC nesta janela de transferências.

6. Daniel Alves

Considerado um dos maiores laterais da história do Barcelona, Daniel Alves decidiu atuar pelo Pumas (México) nesta temporada, visando a próxima Copa do Mundo. Seu começo no clube mexicano não vem sendo animador, recebendo até mesmo vaias dos torcedores. Em 2019 ele também ganhou os holofotes quando deixou o PSG e assinou com o São Paulo.

7. Oscar

O meia brasileiro era uma das estrelas do elenco do Chelsea em 2017. Porém, ele decidiu ir para o futebol chinês e assinou com o Shanghai SIPG, onde segue até hoje. Um dos motivos da sua saída dos Blues foi a questão financeira. Na época, ele entrou na lista de jogadores mais bem pagos do mundo.

8. Nabil Fékir

Francês de origem argelina brilhou com a camisa do Lyon por seis temporadas, e a expectativa era que ele só deixaria o clube francês para se transferir para um gigante europeu em busca de títulos importantes. Pegando todos de surpresa, ele acertou com o Betis em 2019.

9. Franck Ribéry

Franck Ribery
O meia francês permaneceu no Bayern por 12 temporadas / Gabriele Maltinti/GettyImages

Todos esperavam que o francês se aposentaria no Bayern de Munique, clube em que brilhou por 12 temporadas. Porém, deixou os bávaros em 2019 e assinou com a Fiorentina.

10. Andrés Iniesta

O meio-campista tinha tudo para encerrar sua carreira no Barça, onde é ídolo, mas decidiu fazer uma mudança radical e se transferiu para o Vissel Kobe (Japão), onde segue até hoje.

facebooktwitterreddit