As 10 piores contratações feitas por Pep Guardiola

Alexander Rodrigues
Sep 3, 2020, 2:05 PM GMT-3
Manchester City v Lyon - UEFA Champions League Quarter Final
Manchester City v Lyon - UEFA Champions League Quarter Final | Alex Livesey - Danehouse/Getty Images
facebooktwitterreddit

Todo time gostaria de ter Pep Guardiola como técnico. O treinador ficou conhecido por implantar um estilo de jogo que encantou o mundo com o Barcelona entre 2008 e 2012. Por onde passou conquistou títulos, mas também deixou um rastro de contratações frustradas. Confira a lista com as 10 piores contratações de Pep Guardiola.

1. Danilo

International Champions Cup 2017 - Manchester City v Real Madrid
International Champions Cup 2017 - Manchester City v Real Madrid | Matthew Ashton - AMA/Getty Images

Chegou ao Manchester City em 2017 custando 30 milhões de euros. O lateral brasileiro nunca se firmou como titular absoluto no time de Guardiola e foi vendido à Juve dois anos depois por 20 milhões de euros.

2. Keirrison

Barcelona's new signing Brazilian Keirri
Barcelona's new signing Brazilian Keirri | LLUIS GENE/Getty Images

Keirrison foi contratado pelo Barcelona de Guardiola em 2009 após bom momento no Palmeiras, mas o jogador sequer disputou uma partida oficial com a camisa do Barça.

3. Ibrahim Afellay

Real Sociedad v Barcelona - La Liga
Real Sociedad v Barcelona - La Liga | David Ramos/Getty Images

Afellay era uma grande promessa holandesa que se destacou pelo PSV. Guardiola o levou para o Barça onde fez 35 jogos e apenas 2 gols. Foi emprestado a diversos times até quase o fim do seu contrato, quando foi vendido ao Stoke City.

4. Nolito

Manchester United v Manchester City - Premier League
Manchester United v Manchester City - Premier League | Alex Livesey/Getty Images

Nolito foi uma das primeiras contratações de Guardiola no City. Custou 18 milhões de euro e jogou apenas uma temporada no clube e foi vendido ao Sevilha por 7 milhões de euros.

5. Aleksandr Hleb

Barcelona v Recreativo Huelva - La Liga
Barcelona v Recreativo Huelva - La Liga | Etsuo Hara/Getty Images

Mais uma contratação sem sucesso para o currículo de Guardiola. O bielorrusso Hleb teve uma boa passagem por Stuttgart e Arsenal antes de se transferir para o Barcelona em 2008. Sob o comando de Pep fez 36 jogos, mas não marcou nenhum gol. Foi emprestado a diversas equipes até seu contrato com o clube espanhol terminar em 2012.

6. Claudio Bravo

Manchester City v Manchester United - Carabao Cup: Semi Final
Manchester City v Manchester United - Carabao Cup: Semi Final | Visionhaus/Getty Images

Claudio Bravo foi contratado pelo Manchester City em 2016 porque Guardiola queria um jogador que trabalhasse bem com os pés. Após um ano no clube Guardiola pediu outro goleiro e o City contratou Éderson que assumiu de vez a titularidade do time. Bravo chegou a ser a terceira opção para o gol após a chegada do brasileiro e boas atuações de Willy Caballero.

7. Dmytro Chygrynskiy

Barcelona's new player Ukrainian Dmytro
Barcelona's new player Ukrainian Dmytro | LLUIS GENE/Getty Images

Guardiola pediu e o Barça pagou 25 milhões de euros na contratação do zagueiro Dmytro Chygrynskiy ao Shakhtar Donetsk. Após uma temporada no Barcelona com 21 jogos, decidiu retornar ao Shakhtar. O clube ucraniano pagou 15 milhões de euros para recomprar o jogador.

8. Martín Cáceres

Barcelona's new signing Uruguayan Martin
Barcelona's new signing Uruguayan Martin | JOSEP LAGO/Getty Images

Veio do Villareal em 2008 por 16,5 milhões de euros. Fez 23 jogos com a camisa do Barça e foi emprestado após a primeira e única temporada na time catalão. Foi vendido ao Sevilha em 2012 por 3 milhões de euros.

9. Henrique

Barcelona FC  defender Henrique Adriano
Barcelona FC defender Henrique Adriano | GABRIEL BOUYS/Getty Images

Mais uma contratação de jogador que nem vestiu a camisa do Barcelona. Henrique veio do Palmeiras para o time comandado por Guardiola por 8 milhões de euros. Foi emprestado ao Bayer Leverkusen no mesmo ano em que foi contratado.

10. Marlos Moreno

SL Benfica v Portimonense SC - Liga NOS
SL Benfica v Portimonense SC - Liga NOS | Gualter Fatia/Getty Images

Chegou ao City após o título da Libertadores de 2016 com o Atlético Nacional, da Colômbia.  Ainda não vestiu a camisa do City em um jogo oficial e já foi emprestado para diversos times, sem muito sucesso. Seu contrato com o time inglês vai até 30 de junho de 2021.

facebooktwitterreddit