Listas

As 10 datas mais importantes da carreira de Diego Armando Maradona

Lucas Humberto
Da estreia ao gols contra a Inglaterra: as 10 datas mais importantes da carreira de Diego Armando Maradona.
Da estreia ao gols contra a Inglaterra: as 10 datas mais importantes da carreira de Diego Armando Maradona. / El Grafico/GettyImages
facebooktwitterreddit

Há um ano, Diego Armando Maradona dava seu último adeus ao mundo como nós conhecemos. Naquele fatídico 25 de novembro de 2020, o futebol perdeu um provocador ídolo esportivo e a Argentina perdeu um filho. Hoje, em sua memória, relembramos as 10 datas mais importantes da carreira do inesquecível camisa 10.

1. A primeira vez em campo - 20/10/1976

Quando tinha apenas 15 anos, Maradona estreou oficialmente como jogador de futebol. Defendendo as cores do Argentinos Juniors, ele acabou sendo derrotado pelo Talleres, por 1 a 0.

2. Diego conhece o gol - 14/11/1976

Menos de um mês depois do debut, Diego encontrou o caminho das redes (e nunca mais esqueceu). A vítima? San Lorenzo, que foi derrotado por 5 a 2. Aliás, Maradona anotou logo dois gols num só jogo...

3. A Albiceleste nunca mais seria a mesma - 27/02/1977

No dia 27 de fevereiro de 1977, ele realizou um dos seus grandes sonhos esportivos: estrear pela seleção argentina. Em La Bombonera, a Albiceleste perdeu para a Hungria, por 5 a 1, numa partida amistosa.

4. Boca Juniors será eternamente grato - 15/08/1981

Maradona Boca Juniors
Maradona tinha grande identificação com o Boca Juniors / STR/GettyImages

Embora tenha empilhado conquistas expressivas na carreira, Maradona tem somente um título no futebol argentino. A taça foi conquistada em 1981, após empate do Boca Juniors - time do coração do camisa 10 - com o Racing (1 a 1). Quer tentar adivinhar quem ficou responsável por anotar o tento? Sim, o próprio.

5. Bem-vindo ao Mundial... - 03/06/1982

Diego Maradona Argentina Bélgica Copa do Mundo
Maradona em ação contra a Bélgica, no Mundial de 1982, na Espanha. / Getty Images/GettyImages

Ausência na Copa do Mundo de 1978, Diego guardou todo seu apetite para a edição de 1982 do principal torneio de seleções do planeta. Acontece que o enredo não foi como ele imaginava. Eliminado na segunda fase, o grande show de Maradona só iria acontecer quatro anos mais tarde. Espetáculo esse que ninguém jamais irá esquecer.

6. Napoli recebe um ídolo - 07/05/1984

Nos idos de 1984, o camisa 10 desembarcou na Itália. Talvez nem o mais esperançoso dos cartolas do Napoli pudesse imaginar que o clube estaria recebendo o jogador mais importante de sua história. Da identificação com a torcida ao legado deixado, Diego se eternizou como napolitano. Em vida.

7. Ah, Inglaterra... - 22/06/1986

La Mano de Dios e o Gol do Século. Se nós deixássemos apenas essa descrição, você certamente saberia do que estamos falando, certo? Naquele inesquecível dia, Maradona presenteou o mundo com a atuação mais brilhante da sua carreira.

8. No topo do mundo - 29/06/1986

Maradona Troféu Copa do Mundo
Troféu coroou chegada de Diego ao topo do mundo / DOMINIQUE FAGET/GettyImages

Uma semana depois do gol de mão e de ter passado por seis ingleses antes de balançar as redes, Maradona alcançou o topo do mundo. A taça da Copa coroou o brilhantismo de alguém que jamais será esquecido.

9. "Cortaram minhas pernas" - 25/06/1994

A carreira do craque também foi marcada por polêmicas. Em 1994, no Mundial dos Estados Unidos, Maradona foi sorteado para o exame antidoping e, para infelicidade dos argentinos, testou positivo para uma substância dentro da família da efedrina.

Seu último ato em Copas acabou sendo na vitória dos hermanos diante da Nigéria, por 2 a 1. Mas, o triunfo ficou em segundo plano. A imagem mais emblemática daquela data foi a do camisa 10 saindo do campo de mãos dadas com uma enfermeira.

10. O último ato - 25/10/1997

25 de outubro de 1997. Monumental de Núñez. Superclásico. Maradona se despediu em grande estilo. Substituído por Juan Román Riquelme no intervalo, o camisa 10 viu o Boca Juniors vencer por 2 a 1. Ali, o futebol conheceu a saudade do seu ídolo. Isso porque ainda nem conhecíamos o sentimento do dia 25 de novembro de 2020...

facebooktwitterreddit