Copa Libertadores

Argentina não ficava sem representante na semifinal da Libertadores desde 2010

Fabio Utz
River Plate foi o time hermano a ir mais longe
River Plate foi o time hermano a ir mais longe / Pool/Getty Images
facebooktwitterreddit

O River Plate era a esperança do futebol argentino em chegar à semifinal da Libertadores. Pois não chegou. Ao cair diante do Atlético-MG, o clube deu adeus ao sonho do título e, por consequência, colocou um ponto final na trajetória do país hermano na competição continental de 2021.

Marcelo Gallardo River Plate Atlético-MG Libertadores Semifinal
River, de Marcelo Gallardo, não teve chances diante do Atlético-MG / Pool/Getty Images

Desde 2010, aliás, esta é a primeira vez que nenhum time da Argentina se coloca entre os quatro melhores da América. Há 11 anos, o Internacional, que viria a ser o campeão, pegou o São Paulo. Do outro lado da chave, o Chivas, do México, cruzou com a Universidad de Chile.

Marcos Rojo Esteban Rolón Semifinal Libertadores Boca Juniors Atlético-MG Argentina
Boca Juniors também foi eliminado pelo Galo / Pool/Getty Images

Agora, três vagas são de brasileiros - além do Atlético-MG, Flamengo e Palmeiras estão na disputa. O quarto e o último classificado sairá do duelo entre Fluminense e Barcelona-EQU, que se enfrentam nesta quinta-feira, em Guayaquil, depois de um empate em 2 a 2 no Maracanã.

ARGENTINOS QUE CHEGARAM ÀS SEMIFINAIS NOS ÚLTIMOS 10 ANOS

2011 - Vélez Sarsfield

2012 - Boca Juniors

2013 - Newell's Old Boys

2014 - San Lorenzo (campeão)

2015 - River Plate (campeão)

2016 - Boca Juniors

2015 - River Plate e Lanús

2018 - River Plate (campeão e Boca Juniors)

2019 - River Plate e Boca Juniors

2020 - River Plate e Boca Juniors

facebooktwitterreddit