Flamengo

Arão sai do lugar comum após adeus de Ceni e reafirma: 'Nunca escondi minha preferência'

Nathália Almeida
Arão vem sendo peça importante no time de Renato
Arão vem sendo peça importante no time de Renato / Miguel Schincariol/Getty Images
facebooktwitterreddit

Que o clima mudou na Gávea após a troca de comissão técnica, parece não haver nenhuma dúvida. Vários jogadores que não vinham se apresentando tão bem com Rogério Ceni recuperaram o bom futebol a partir da chegada de Renato Gaúcho, ao passo que outros atletas, subaproveitados ou deslocados para "tapar buraco" em outros setores, agora voltam a apresentar o que sabem em suas funções de origem.

Este é o exato caso de Willian Arão, um dos destaques do Flamengo desde que Renato assumiu o comando do time. Improvisado como zagueiro sob comando de Ceni, o experiente jogador voltou ao posto de volante titular do Rubro-Negro, retomando o bom nível de exibições. Para o camisa 5, nunca houve dúvida ou segredo sobre onde ele se sente mais à vontade dentro das quatro linhas.

Willian Arao
Arão já passa da marca dos 300 jogos pelo Flamengo / Buda Mendes/Getty Images

"Sempre deixei bem claro que a minha posição de origem é volante. Jogo assim desde que iniciei minha carreira. Estou sempre disponível para ajudar o Flamengo da maneira que for. E o Rogério optou por me utilizar na zaga. Foi uma novidade pra mim, mas dei o meu máximo para corresponder"

"Nunca escondi que é minha preferência jogar como volante"

Arão, em entrevista

Dentro do top-5 de atletas com mais partidas de Libertadores pelo Flamengo e próximo de adentrar este mesmo ranking em jogos de Brasileiro, Arão é um dos jogadores mais antigos do atual elenco rubro-negro. Ao todo, o camisa 5 já soma 317 partidas com a camisa do Mais Querido.

facebooktwitterreddit