Opinião

Após queda de Lucho González, qual é o treinador favorito para assumir o comando do Ceará?

Matheus Nunes
Lucho teve sua saída confirmada nesta sexta-feira, 28 de outubro
Lucho teve sua saída confirmada nesta sexta-feira, 28 de outubro / Pedro Vilela/GettyImages
facebooktwitterreddit

A aposta do Ceará na contratação de Lucho González deu errado. O treinador não resistiu aos maus resultados e deixou o comando técnico da equipe com apenas uma vitória em 10 jogos. Agora, a diretoria alvinegra corre contra o tempo em busca de um novo comandante para esta reta final de Brasileirão.

É a terceira vez somente nesta atual edição da Série A que o Vozão vai em busca de um novo treinador. Primeiro, perdeu Dorival Junior, que deixou o clube para assumir o Flamengo. Em seguida, demitiu Marquinhos Santos, antes da chegada de Lucho.

As opções no mercado são poucas, mas alguns velhos conhecidos do torcedor alvinegro estão a disposição. O mais conhecido deles é Lisca. O treinador gaúcho foi demitido do Avaí nesta semana e segue sem trabalho. Com uma passagem de altos e baixos no Ceará, o ex-comandante do Vovô desponta como um dos favoritos ao cargo.

Conhecido por pegar equipes que estão brigando na parte de baixo da tabela, este talvez seja o momento ideal para Lisca retornar ao Ceará, mesmo que boa parte da torcida reprove a contratação. O técnico já salvou o Alvinegro em duas ocasiões: a primeira evitando o time de cair para a Série C. Depois, já na Série A, livrou os cearenses do rebaixamento nas últimas rodadas.

Sua última passagem pelo clube, no entanto, não foi positiva. Em 2019, comandou a equipe em 29 jogos, mas foi eliminado da Copa do Nordeste e do Campeonato Estadual, o que resultou na sua demissão.

Além de Lisca, nomes conhecidos estão desempregados. Entre eles, estão Enderson Moreira, Vanderlei Luxemburgo, Fábio Carille e Alberto Valentim. A decisão da diretoria alvinegra deve acontecer nos próximos dias.

facebooktwitterreddit