Após nova ironia, partida diante do Del Valle pode ser a última aparição de Lincoln como jogador do Flamengo

Fabio Utz
Wagner Meier/Getty Images
facebooktwitterreddit

Primeiro foi Luiz Eduardo Baptista, vice-presidente de Relações Institucionais do Flamengo, que criticou a chance perdida por Lincoln na final do Mundial de Clubes, contra o Liverpool, e até a escolha da entrada do garoto por parte do técnico Jorge Jesus. Agora foi Paulo César Pereira, vice de Secretaria, que ironizou o fato de o Palmeiras ter empatado duelo recente com o Rubro-Negro tendo o atacante em campo. Pois a paciência do jovem e seu estafe se esgotou, e o clube já admite negociá-lo.

Inicialmente, o Mengão resistiu a aceitar propostas, mas agora o Grupo City, principal interessado no futebol do garoto, volta à tona na tentativa de buscar um acordo. O destino mais provável seria o Troyes, da França. No entanto, o Girona (Espanha) e o Lommel (Belgica) surgem como alternativas. Inicialmente, a ideia rubro-negra é viabilizar um empréstimo sem estipular valor para a compra, e o desfecho parece próximo, segundo informação do Uol Esporte.

Nesta quarta-feira, diante das baixas no elenco, o técnico Domènec Torrent tem a intenção de utilizar Lincoln no duelo diante do Independiente del Valle, pela Libertadores, no Maracanã. Porém, este pode ser seu último jogo pela equipe carioca. "É um talento que o clube tem que não está sabendo administrar. Não dá para jogar tudo nas costas de um jogador que vem da base. Essa semana é momento de sentar de novo com o Flamengo. Se tiver a (possível) saída, tem de fazer. Vontade dele é de ficar no Fla, está lá há 12 anos. Ele tem uma paixão pelo clube. Mas se tem pessoas de dentro que atacam o jogador, ele pode seguir a vida", disse o agente do jogador, Vitor Remiro, aos canais ESPN. O atacante tem apenas 19 anos.

Para mais notícias do Flamengo, clique aqui.

facebooktwitterreddit