Botafogo

Acordo selado entre Botafogo e John Textor libera R$ 100 milhões em investimentos à SAF; entenda

Matheus Nunes
Todas as pendências burocráticas foram resolvidas entre empresário e clube
Todas as pendências burocráticas foram resolvidas entre empresário e clube / Slaven Vlasic/GettyImages
facebooktwitterreddit

Nesta sexta-feira (11), o Botafogo finalizou o contrato com John Textor pela venda da SAF e, agora, o americano está de forma definitiva no comando do Glorioso. Todas as pendências foram resolvidas entre os advogados do Fogão e do empresário.

Textor esteve recentemente no Brasil para adiantar a papelada, mas teve que ir embora no final de fevereiro. Todo o processo pôde ser feito de forma eletrônica. Agora, com os processos finalizados, será liberado o investimento de R$ 100 milhões para a nova empresa.

A grana deve cair na conta nos próximos dias, mas todos os trâmites bancários já foram iniciados. O dinheiro é equivalente ao pagamento da segunda parcela pelos 90% das ações da SAF. O clube carioca já havia recebido R$ 50 milhões via empréstimo no mês passado.

Durante sua passagem no comando do Botafogo, Textor será obrigado a fazer um aporte mínimo de R$ 400 milhões, além de investir pensando nas metas de folha e orçamento anuais. Fora esses valores, o americano também pode injetar mais dinheiro, caso queira.

Além do Glorioso, John Textor também é proprietário de parte do Crystal Palace, de um time na segunda divisão do Campeonato Belga e outro nos Estados Unidos.

facebooktwitterreddit