Champions League

A UEFA contra-ataca Superliga Europeia e aprova novo formato da Champions League – confira

Antonio Mota
Apr 19, 2021, 1:09 PM GMT-3
Um dia após anuncio da Superliga Europeia, UEFA anuncia mudanças nos formatos da Champions League e da Europa League.
Um dia após anuncio da Superliga Europeia, UEFA anuncia mudanças nos formatos da Champions League e da Europa League. | Denis Doyle/Getty Images
facebooktwitterreddit

Resposta à Superliga Europeia? Um dia após o anúncio do novo e controverso torneio do Velho Continente, a UEFA reuniu o seu Comitê Executivo e aprovou os novos formatos das competições continentais de clubes – em especial a Champions League – a valer a partir de 2024. O encontro aconteceu nesta segunda-feira (19) e várias decisões foram tomadas em relação ao futebol do continente.

Em reunião, o Comitê Executivo aprovou uma Champions League maior e com um formato diferente, com 36 equipes – hoje são 32 – e sem uma fase de grupos tradicional com oito chaves de quatro clubes. A partir de 2024, a Champions vai ser disputada em um formato de liga conhecido como “modelo suíço”. Confira os detalhes abaixo:

Champions League
Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique aqui. | David Ramos/Getty Images

Detalhes na nova Champions League

- Cada time vai disputar um mínimo de 10 jogos de liga (cinco em casa, cinco fora), contra 10 oponentes diferentes.
- Os oito melhores classificados na fase inicial avançarão de forma direta para o  mata-mata.
- Os clubes que terminarem entre a 9ª e a 24ª posição na tabela geral vão encarar um playoff.
- Os 16 times restantes disputarão às oitavas de final.

A UEFA também vai aplicar o novo formato na Europa League – com mínimo de oito partidas de liga – e na nova Europa Conference League – seis jogos. Os dirigentes, no entanto, ainda não definirão se esses dois torneios também contarão com 36 clubes.

Com o novo formato, a Champions League vai passar a ter um total de 225 partidas, ou seja, cem a mais do que a quantidade atual (125). E, claro, isso impacta nos cofres dos clubes: mais jogos equivale a mais dinheiro.

“Esse formato evoluído vai manter vivo o sonho de qualquer time da Europa de participar da Liga dos Campeões graças aos resultados obtidos dentro de campo, e também vai permitir viabilidade a longo prazo, prosperidade e crescimento para todos do futebol europeu, não apenas um pequeno e auto-escolhido cartel” declarou Aleksander Čeferin, presidente da UEFA.

Longa história... e Superliga Europeia

A UEFA debate mudanças em relação ao formato da Champions League desde 2019, época em que os maiores clubes da Europa começaram a se movimentar em favor da criação de uma liga independente. A entidade ‘perdeu a corrida’ no último final de semana, quando os times anunciaram a Superliga Europeia.

Outros tópicos da reunião da UEFA

Em encontro, o Comitê Executivo também tratou de outros assuntos, como atualizações da Eurocopa de 2021, torneios de base dos próximos anos e novas regulamentações e destruição da verba da Champions League Feminina (2021/25).

As informações acima são do ge.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique aqui.

facebooktwitterreddit