A seleção ideal da Copa do Nordeste 2020

Vinicius
Fluminense v Coritiba - Brasileirao Series A 2015 | Buda Mendes/Getty Images

A Copa do Nordeste 2020 chegou ao fim! O Ceará Sporting Club sagrou-se campeão invicto na noite da última terça-feira, 04, após vencer mais uma vez o Bahia, seu adversário na grande decisão. O Alvinegro entrou para a história ao conquistar seu segundo título da competição de forma invicta. A competição foi marcada por grandes jogos, lindas jogadas, muitas emoções e também por grandes craques. Por isso, selecionamos aqui a seleção ideal da Copa do Nordeste 2020.

1. Goleiro: Felipe Alves (Fortaleza)

Santos v Fortaleza - Brasileirao Series A 2019
Miguel Schincariol/Getty Images

O arqueiro tricolor Felipe Alves é, sem dúvida, um dos melhores da posição no país. Na Copa do Nordeste 2020 não foi diferente: ajudou o Fortaleza a chegar até às semifinais com grandes defesas e também com muita habilidade com a bola nos pés, característica que o diferencia da maioria dos goleiros.

2. Lateral-direito: Samuel Xavier (Ceará)

Samuel Xavier
Santos v Ceara - Brasileirao Series A 2019 | Miguel Schincariol/Getty Images

O lateral-direito Samuel Xavier foi campeão invicto da Copa do Nordeste com o Ceará pela segunda vez. O atleta também fazia parte do elenco que conquistou a competição em 2015. Samuel foi peça chave para o Ceará durante toda a Copa do Nordeste 2020, contribuindo principalmente com sua forte chegada à zona de defesa adversária.

3. Zagueiro: Klaus (Ceará)

Brazilian Football League Serie A - Brasileirao Assai 2019
Brazilian Football League Serie A - Brasileirao Assai 2019 | MB Media/Getty Images

Klaus é o famoso zagueiro-artilheiro. O atleta chegou a marcar três gols na competição, apenas dois a menos que o artilheiro Vina. Além de ter contribuído muito bem ofensivamente, Klaus foi fundamental para a solidez defensiva do Ceará. Além dos gols, sua principal marca na competição foi o grande número de interceptações de jogadas aéreas adversárias.

4. Zagueiro: Luiz Otávio (Ceará)

Edu Dracena, Luiz Otavio
Palmeiras v Ceara - Brasileirao Series A 2018 | Alexandre Schneider/Getty Images

Capitão e xerife campeão. O zagueiro Luiz Otávio chegou a mais uma conquista com a camisa do Ceará. Considerado por muitos como um dos melhores zagueiros do Brasil, Luiz foi mais uma vez destaque. O atleta comandou a ótima defesa do Ceará, sempre com cortes providenciais e uma marcação implacável.

5. Lateral-esquerdo: Juninho Capixaba (Bahia)

Brazilian Football League Serie A
Brazilian Football League Serie A | MB Media/Getty Images

Apesar de não ter conquistado o título, o lateral-esquerdo Juninho Capixaba, do Bahia, foi destaque no Nordestão. O atleta retornou à equipe baiana para esta temporada e foi muito importante na campanha. Sua contribuição para o time ocorreu principalmente no setor de ataque, onde o atleta construía boas jogadas e criava chances de gol para seus companheiros.

6. Volante: Flávio (Bahia)

FBL-SUDAMERICANA-NACIONALPAR-BAHIA
DANIEL DUARTE/Getty Images

O volante Flávio, do Bahia, foi um dos grandes destaques da campanha de sua equipe, que terminou na segunda colocação. Mesmo em partidas em que o Bahia jogava mal, Flávio conseguia se sobressair e mantinha sua boa fase. Além de contribuir defensivamente, o meio-campista ainda colaborava com a construção de jogadas do tricolor.

7. Volante: Charles (Ceará)

O jovem volante Charles, do Ceará, foi um dos melhores jogadores de toda a Copa do Nordeste. O jogador foi essencial para o esquema tático do Vozão, já que dava consistência defensiva com sua ótima marcação e também possibilitava uma saída de jogo rápida. Sua presença no time titular do Ceará era incontestável, assim como na seleção da competição.

8. Meia: Fernando Sobral (Ceará)

Brazilian Football League Serie A - Brasileirao Assai 2019
Brazilian Football League Serie A - Brasileirao Assai 2019 | MB Media/Getty Images

O meio-campista Fernando Sobral provavelmente não era visto como candidato à seleção do campeonato antes da bola começar a rolar. Entretanto, sua presença nesta lista se tornou indispensável após excelentes atuações, principalmente na reta final da disputa. O jogador foi fundamental para a arrancada que levou o Ceará à conquista da Orelhuda.

9. Meia: Vina (Ceará)

O meia Vinícius, mais conhecido como Vina, foi o artilheiro e melhor jogador da competição. Autor de 5 gols na disputa, o atleta do Ceará foi decisivo e fundamental para o título alvinegro. Além de sua importância marcando gols, Vina foi importante na criação de jogadas e na organização do meio-campo do time. Foi o grande destaque da competição.

10. Atacante: Élber (Bahia)

ARISSON MARINHO/Getty Images

O veloz e habilidoso atacante Élber, do Bahia, foi muito bem na Copa do Nordeste 2020. Com a lesão de Gilberto, destaque do time, Élber acabou tornando-se a principal arma do ataque baiano. Marcou 3 gols na disputa e com sua habilidade e seus dribles curtos criou muitas chances de gol para sua equipe.

11. Atacante: Gilberto (Bahia)

FBL-SUDAMERICANA-BAHIA-NACIONAL
FBL-SUDAMERICANA-BAHIA-NACIONAL | ARISSON MARINHO/Getty Images

Apesar de ter se lesionado no decorrer das partidas, o atacante Gilberto, do Bahia, mereceu vaga na seleção da Copa do Nordeste 2020. Vice artilheiro com 4 gols marcados em 8 partidas disputadas, o atacante foi mais uma vez a grande referência de ataque da equipe baiana, marcando gols e criando oportunidades para finalização.

12. Técnico: Guto Ferreira (Ceará)

FBL-SUDAMERICANA-CHAPECOENSE-LIBERTAD
FBL-SUDAMERICANA-CHAPECOENSE-LIBERTAD | NELSON ALMEIDA/Getty Images

Apenas 5 jogos foram suficientes para credenciar Guto Ferreira como o melhor técnico da Copa do Nordeste. O treinador, que chegou ao Ceará durante a paralização dos jogos por conta da crise do novo coronavírus, teve papel fundamental na montagem do padrão tático da equipe campeã: solidez defensiva e ataque eficiente.