A renovação total no Inter pode começar já no primeiro dia de janeiro de 2021

Ozíris Aduan
Independiente del Valle Training Session
Independiente del Valle Training Session / Agencia Press South/Getty Images
facebooktwitterreddit

A confirmação da troca do novo comando técnico deverá ser o primeiro feito de Alessandro Barcellos como presidente do Inter. Mesmo assumindo oficialmente apenas no dia 01/01/2021, o cartola já trabalha essa transição e não garante a permanência do atual comandante durante sua gestão, Miguel Ángel Ramirez, do Independente Dell Vale-EQU surge como principal nome para assumir o colorado.

Essa troca no comando técnico do Inter é inevitável, uma vez que Abel chegou por ter identificação com clube e na esperança de não deixar o time sentir a saída de Coudet que foi o que não aconteceu. Em um mês o Inter foi eliminado da Copa do Brasil, da Libertadores e despencou no Brasileirão, caindo da primeira para a quinta posição. Aos poucos Abelão parece estar implantando sua forma de jogo no e os resultados começam a aparecer, porém tarde demais para quem tem pouco tempo de contrato

FBL-SUDAMERICANA-DELVALLE-COLON
FBL-SUDAMERICANA-DELVALLE-COLON / NORBERTO DUARTE/Getty Images

O espanhol Miguel Ángel Ramirez, 36 anos, atualmente no Independente Dell Vale - EQU, é o atual campeão da Sul-Americana e nessa edição da Conmebol Libertadores caiu nas oitavas de final para o Nacional-URU, mesma fase em que o Inter foi eliminado pelo Boca Juniors-ARG. O comandante, que já teve negociações com Corinthians e Palmeiras, deu a seguinte declaração em entrevista recentemente:

"Quanto a mim, quando as ofertas chegaram, a diretoria me pediu para pelo menos terminar esta temporada. A decisão que tomarei vai ser com respeito absoluto a entidade e que ela queira isso também. Não vai ser busca por mais dinheiro, e sim um projeto. Outro país que me faça crescer. Essas são minhas motivações. "

Miguel Ángel Ramírez


Depois da ótima campanha do argentino Coudet, a torcida colorada se empolga com mais um nome estrangeiro para o comando técnico. Diego Aguirre e Jorge Fossati foram outros treinadores estrangeiros que passaram pelo Inter, ambos com boas campanhas no comando, mas com sofrendo com a falta de paciência e pouco apoio da direção. Se Miguel Ángel Ramirez, realmente desembarcar em Porto Alegre para trabalho frente ao Gigante da Beira-Rio espera-se que essa nova direção ao menos deixe que o mesmo cumpra seu contrato até o fim, com apoio em ambas as partes, não o rescindindo antes do prazo e nem o deixando desconfortável ao ponto de ter que pedir para sair como foi com último argentino.

Com a ultima rodada do Campeonato Equatoriano acontecendo no próximo domingo (20), o espanhol já estaria livre para assumir o Inter no primeiro dia do ano de 2021. Uma nova gestão, um novo treinador, uma visão mais jovem tanto na presidência quanto na beira do gramado podem por fim fazer o Inter voltar a vencer, convencer e, o mais importante de tudo, que é ser campeão.




facebooktwitterreddit