A escalação titular do PSG antes do clube ser comprado por Nasser Al-Khelaïfi

Nathália Almeida
Nenê era uma das referências do PSG antes da compra
Nenê era uma das referências do PSG antes da compra / Eddy LEMAISTRE/GettyImages
facebooktwitterreddit

Não podemos negar que 2011 foi um ano de "renascimento" para o Paris Saint-Germain: antes às sombras de outros clubes tradicionais da França, o time da capital luz passou a ser protagonista em seu país a partir da virada da década, muito em função da ampla injeção de dinheiro promovida por Nasser Al-Khelaïfi após o processo de aquisição do clube por parte de sua empresa, a Qatar Sports Investments (QSI).

Mas como era o PSG antes do aporte financeiro trazido pelo xeque Al-Khelaïfi? O 90min traz, a seguir, a escalação titular parisiense antes de outubro de 2011, quando o bilionário catari assumiu como presidente do clube.


1. Grégory Coupet

Paris Saint-Germain's French goalkeeper
Coupet era o goleiro parisiense na época / BERTRAND LANGLOIS/GettyImages

O veteraníssimo goleiro, contratado em 2009, tinha 37 anos de idade no momento em que o clube da capital foi adquirido por Al-Khelaïfi. Viria a ser substituído pelo jovem Areola.

2. Christophe Jallet

Christophe Jallet
Jallet era o lateral-direito da equipe / John Berry/GettyImages

Jogador esforçado e combativo, Jallet era o dono da lateral-direita do Paris em 2011. Passou cinco temporadas com a camisa parisiense, deixando o Parc des Princes somente em 2014, rumo ao Lyon.

3. Mamadou Sakho

Mamadou Sakho
Sakho era titular no miolo de zaga / John Berry/GettyImages

Formado nas categorias de base do Paris, Sakho, de apenas 21 anos, era um dos titulares no miolo de zaga da equipe em 2011. Deixou o clube francês dois anos depois, fechando com o Liverpool.

4. Sylvain Armand

Soccer - Ligue 1 - Paris Saint-Germain vs. Le Mans
Armand era uma das referências do PSG à época / Eddy LEMAISTRE/GettyImages

Lateral de origem, mas capaz de desempenhar outras funções, Armand chegou a ser deslocado para o miolo de zaga da equipe da capital, atuando como defensor. Em 2013, trocou o PSG pelo Rennes.

5. Siaka Tiéné

Siaka Tiene
Tiéné era o dono da lateral-esquerda / Xavier Laine/GettyImages

O lateral-esquerdo vestiu a camisa parisiense por três temporadas, tendo sido contratado em meados de 2010 junto ao Valenciennes, e deixando o Parc des Princes no verão de 2013.

6. Claude Makélélé

Former France football international mid
Makelele abria o setor de meio-campo / FRANCOIS GUILLOT/GettyImages

Volante de renome e trajetória vitoriosa na carreira, Makélélé foi contratado já veterano junto ao Chelsea em 2008. Encerrou sua carreira em meados de 2011, pouco antes da chegada de Nasser Al-Khelaïfi.

7. Clément Chantôme

Clement Chantome
Chantome era meio-campista do PSG / Jean Catuffe/GettyImages

Cria da base do clube, o volante foi promovido ao elenco principal do Paris em meados de 2006, permanecendo no clube até a janela de verão de 2013, que selou a despedida de diversos jogadores aqui listados.

8. Nenê

Paris Saint-Germain's Nene reacts during
Nenê era o destaque do time / SAMUEL KUBANI/GettyImages

Após se destacar com a camisa do Mônaco, o armador brasileiro acabou sendo adquirido pelo PSG, onde permaneceu por dois anos e meio até rumar ao Al-Gharafa. Foi um dos destaques individuais da equipe durante sua passagem pelo Parc des Princes.

9. Guillaume Hoarau

Guillaume Hoarau
Guillaume Hoarau era um centroavante alto, mas de pouco recurso / Richard Heathcote/GettyImages

Centroavante alto e forte, mas que costumava pecar na finalização das jogadas, Hoarau passou longos anos de sua carreira no Paris, tendo somado 57 gols em 161 partidas pelo clube.

10. Ludovic Giuly

FBL-FRA-CUP-L1-LOSC-PARIS
Giuly já era veterano em 2011 / THOMAS COEX/GettyImages

Formado no rival Lyon, Ludovic Giuly teve os anos mais vitoriosos de sua carreira vestindo a camisa do Barcelona, entre 2004 e 2007. Já veterano, assinou com o Paris em 2008 e permaneceu na capital até agosto de 2011.

11. Mevlüt Erdinç

Mevlut Erdinc
Mevlüt Erdinç durou pouco no PSG / Richard Heathcote/GettyImages

Duas temporadas e meia: esse foi o tempo de casa do atacante turco no Parc des Princes. Contratado junto ao Sochaux em meados de 2009, se transferiu ao Rennes no verão de 2012, pouco depois da chegada dos novos investimentos ao Paris.

facebooktwitterreddit