Listas

8 jogadores que são bons demais para serem reservas

Antonio Mota
Com talentos do Chelsea e craque do Flamengo, veja 8 jogadores que são muito bons para seres reversas.
Com talentos do Chelsea e craque do Flamengo, veja 8 jogadores que são muito bons para seres reversas. / James Williamson - AMA/Getty Images
facebooktwitterreddit

Os clubes de futebol ao redor do mundo foram percebendo nas últimas décadas que é preciso ter muito mais do que onze bons jogadores para se brigar no mais alto nível e, assim, começaram a montar elencos com inúmeros atletas diferenciados e fora da curva. Com isso, lembrando que apenas 11 entram em campo de uma só vez, muitos futebolistas acima da média acabaram indo parar no banco de reservas.

Sem mais delongas, confira uma lista com 8 jogadores que são bons demais para serem reservas.

1. Van de Beek – Manchester United

Donny van de Beek Manchester United
Van de Beek não tem muito espaço no Manchester United. / Robbie Jay Barratt - AMA/Getty Images

Van de Beek despontou no Ajax como um dos meio-campistas mais promissores do mundo poucos anos atrás. Em 2020, o meia de 24 anos trocou a Holanda pela Inglaterra e assinou com o Manchester United, num movimento que, curiosamente, o fez perder holofotes. Hoje, o talento é apenas um ‘reserva de luxo’ em Old Trafford.

2. Saúl – Chelsea

Saul Niguez Chelsea
Saúl tende a brigar por uma vaga no onze inicial do Chelsea. / James Williamson - AMA/Getty Images

Após inúmeras temporadas de sucesso no Atlético de Madrid, Saúl decidiu mudar de ares e fechou com o Chelsea. Aos 26 anos, o meio-campista é talentoso e notadamente diferenciado, mas isso não o garantiu uma vaga imediata no time inicial dos Blues. Será que ele vai reverter essa situação?

3. Gianluigi Donnarumma – Paris Saint-Germain

Gianluigi Donnarumma PSG
Donnarumma vai “roubar” as luvas de Navas no PSG? / Matthias Hangst/Getty Images

Donnarumma é considerado um dos goleiros mais talentosos e promissores do mundo, mas isso não o coloca como titular no Paris Saint-Germain. Disputando posição com Keylor Navas, o goleiro de 22 anos vai ter que mostrar serviço para assumir essa vaga nos próximos meses.

4. Timo Werner – Chelsea

Timo Werner Chelsea
Timo Werner não decolou no Chelsea. / Clive Rose/Getty Images

Após surgir no Stuttgart e explodir no RB Leipzig, Timo Werner fechou com o Chelsea para se firmar entre os melhores atacantes do mundo, mas isso não aconteceu. Aos 25 anos, o alemão não conseguiu decolar e hoje esquenta o banco de Stamford Bridge.

5. Everton Cebolinha – Benfica

Everton Cebolinha Benfica
Cebolinha ainda não conseguiu protagonismo no Benfica. / Carlos Rodrigues/Getty Images

Cebolinha fez muito sucesso na América do Sul nos últimos anos, quando atuou com a camisa do Grêmio. Em 2020, o elétrico atacante se mudou para o Benfica, de Portugal, e lá viveu alguns bons momentos, mas sem grande constância. Hoje, inclusive, ele é apenas um suplente de Jorge Jesus.

6. Diogo Jota – Liverpool

Diogo Jota Liverpool
Após momento de badalação, Jota voltou ao banco do Liverpool. / Robbie Jay Barratt - AMA/Getty Images

Diogo Jota chegou ao Liverpool no ano passado após rodar por clubes de Portugal, Espanha e até Inglaterra, onde também defendeu o Wolverhampton. Nos últimos meses, o badalado atacante viveu bons momentos e conquistou muito espaço em Anfield, mas tudo isso já ficou para trás e hoje o luso voltou a ser uma opção de banco.

7. Hakim Ziyech – Chelsea

Hakim Ziyech Chelsea
Ziyech é outro talento ‘encostado’ no Chelsea. / Nicolò Campo/Getty Images

Ziyech chamou atenção do futebol mundial com a camisa do Ajax tempos atrás, quando foi peça-chave de uma das novas gerações mais talentosas da potência da Holanda. Já no ano passado, em meados de 2020, o meia-atacante fechou com o Chelsea e criou boas expectativas, mas, na prática, acabou não conseguindo o espaço imaginado e sendo escanteado. Um bom jogador.

8. Pedro – Flamengo

Pedro Flamengo
Pedro é um dos melhores ‘camisas 9’ do Brasil. / Wagner Meier/Getty Images

Pedro é um dos melhores centroavantes em atividade na América do Sul e certamente seria titular em todos os clubes do Brasil, menos no seu: o Flamengo. Aos 24 anos, o atacante é reserva de Gabriel Barbosa, o Gabigol, que é o cara do Fla, e dificilmente vai conseguir ser o dono da posição na equipe.

facebooktwitterreddit