8 jogadores que já foram reservas subestimados e hoje são estrelas

Lucas Humberto
De Bruyne, Immobile, Depay, Hakimi e outros nomes: confira oito jogadores que passaram de suplentes para estrelas de seus clubes.
De Bruyne, Immobile, Depay, Hakimi e outros nomes: confira oito jogadores que passaram de suplentes para estrelas de seus clubes. / Chloe Knott - Danehouse/Getty Images
facebooktwitterreddit

Para toda uma geração de novos torcedores, Kevin De Bruyne representa o mais alto nível de protagonismo. Diretamente responsável pelos últimos grandes feitos do Manchester City, o belga é o que chamamos de titular absoluto. Mas, nem sempre foi assim. O camisa 17 (ou 7 na seleção), ficava regularmente no banco em outras fases da sua carreira.

Abaixo, relembramos outras situações semelhantes, quando o jogador vai de suplente para estrela. Confira.

8. Ciro Immobile

Ciro Immobile Itália Euro 2020 Lazio Borussia Dortmund Torino Sevilla
Ídolo na Lazio, Immobile foi campeão da Euro 2020 / Insidefoto/Getty Images

Campeão da última Eurocopa, Immobile teve uma carreira repleta de altos e baixos. No Borussia Dortmund, da Alemanha, o atacante italiano raramente aparecia entre os titulares. Destaque, então, nem pensar. A partir da temporada 2015/16, passou por períodos de empréstimo no Sevilla e Torino, clubes onde ganhou minutos preciosos, até ser contratado pela Lazio e se tornar a grande estrela da equipe.

7. Juan Bernat

Paris Saint-Germain Ligue 1 Juan Bernat Bayern de Munique
Bernat teve seu contrato renovado recentemente / Sylvain Lefevre/Getty Images

Juan Bernat foi perdendo protagonismo aos poucos no Bayern de Munique. Na sua última campanha defendendo as cores do Gigante da Baviera, marcou presença em somente 12 jogos, sendo reserva na maior parte do ano. Em 2018, rumou ao Paris Saint-Germain e passou a ser considerado um dos jogadores mais importantes da equipe. Recentemente, teve seu contrato renovado até 2025.

6. Achraf Hakimi

Hakimi PSG Real Madrid Borussia Dortmund Inter de Milão
Lateral já se apresentou ao PSG / FRANCK FIFE/Getty Images

Desejo de nove em cada 10 clubes nesta janela de transferências, Achraf Hakimi deixou o Real Madrid por empréstimo depois de disputar apenas 17 partidas. Pouco depois, o lateral-direito se tornou uma estrela por onde passou, deixando belíssimos cartões de visita no Borussia Dortmund e Inter de Milão. Agora, o marroquino espera brilhar no PSG.

5. Memphis Depay

Memphis Depay Barcelona Olympique Lyon Manchester United
Depay irá defender as cores do Barcelona na próxima temporada / Soccrates Images/Getty Images

Após anos de negociação, Memphis Depay finalmente confirmou seu aguardado destino: o Barcelona. Em suas passagens anteriores, podemos afirmar que o holandês nunca conseguiu se adaptar ao Manchester United. A perda de protagonismo foi gradual: na última temporada, por exemplo, disputou somente quatro jogos. No Olympique Lyon, por outro lado, não só era fundamental enquanto jogador, como se tornou líder e capitão.

4. Adama Traoré

Adama Traore Eurocopa Wolves Premier League Barcelona
Jogador também marcou presença na Euro 2020 / David Ramos/Getty Images

Traoré deixou o Barcelona em 2015 devido ao grande número de estrelas no clube. A decisão de traçar seu rumo na Premier League não poderia ter sido mais acertada. Depois de conseguir mais tempo de destaque no Aston Villa e Middlesbrough, o atacante virou figura indispensável no Wolverhampton.

3. Gerard Piqué

Gerard Pique Alex Ferguson Manchester United Barcelona
Piqué era reserva no Manchester United de Alex Ferguson / David Ramos/Getty Images

Piqué na reserva? Acredite, aconteceu! O zagueiro espanhol não só era suplente no Manchester United, como passava despercebido por Alex Ferguson, principalmente em razão dos grandes jogadores da posição no plantel. No Barcelona, se tornou um grande ídolo.

2. Samuel Eto'o

Samuel Eto'o Inter de Milão Barcelona Real Madrid
Eto'o é reverenciado na Inter de Milão / Giuseppe Bellini/Getty Images

Dono de um dos currículos mais invejáveis do futebol, Samuel Eto'o nunca teve chances significativas no Real Madrid, um dos seus clubes de formação. O atacante camaronês tratou de mostrar todo seu potencial no Mallorca, onde chamou atenção do Barcelona. Além do protagonismo absoluto nos culés, o jogador ainda fez história na Inter de Milão e Premier League.

1. Kevin De Bruyne

Kevin De Bruyne Manchester City Eurocopa Chelsea
Belga em ação na Eurocopa 2020 / Isosport/MB Media/Getty Images

Como mencionado acima, Kevin De Bruyne nem sempre foi esse protagonista conhecido hoje. Na temporada 2013/14, o meia-atacante belga disputou apenas nove partida pelo Chelsea. Sua estrela começou a brilhar no Wolfsburg, da Bundesliga, antes de retornar ao Campeonato Inglês para fazer historia. Hoje, o Citizen é um dos grandes símbolos do torneio nacional mais popular e disputado do mundo.

facebooktwitterreddit