8 grandes ex-jogadores que são treinadores e você não sabia

Antonio Mota
Patrick Vieira, Shevchenko, Inzaghi e outros ex-jogadores de sucesso estão tentando a sorte à beira do gramado. Veja.
Patrick Vieira, Shevchenko, Inzaghi e outros ex-jogadores de sucesso estão tentando a sorte à beira do gramado. Veja. / Shaun Botterill/GettyImages
facebooktwitterreddit

Muitos jogadores de futebol de sucesso “penduraram as chuteiras” e passaram a se dedicar a vida de treinador nos últimos anos. Zinédine Zidane, Andrea Pirlo e Xavi Hernández são alguns exemplos. Mas, por diversos fatores, nem todos os craques da história recente que se tornaram técnicos ganharam tanto holofotes. A seguir, veja 8 grandes ex-jogadores que são treinadores e você não sabia.

1. Andriy Shevchenko

Andriy Schevchenko
Shevchenko deixou o comando da Seleção Ucraniana há pouco tempo. / Laurence Griffiths/GettyImages

Um dos maiores nomes da história do futebol da Ucrânia, Shevchenko marcou época no futebol entre meados dos anos 1990 e boa parte dos anos 2000. Ídolo no Milan, no Dínamo de Kiev e com passagem pelo Chelsea, o ex-atacante começou sua carreira de treinador na seleção do seu país em 2016 e lá ficou até meados deste ano. Ele está desempregado desde então.

2. Martín Palermo

Martín Palermo Boca Juniors
Lembra dele? Palermo é ídolo no Boca Juniors. / Azael Rodriguez/GettyImages

Grande personagem na Argentina e com passagem pelo futebol da Europa, Palermo fez muito sucesso na América do Sul, em especial no Boca Juniors, onde conquistou inúmeros títulos, incluindo duas Conmebol Libertadores. Aos 48 anos, o ex-atacante trabalha como treinador desde o começo da década passada e hoje é o dono da área técnica do modesto Club Atlético Aldosivi.

3. Filippo Inzaghi

Filippo Inzaghi
Filippo Inzaghi fez muita história no Milan. / Francesco Pecoraro/GettyImages

Inzaghi é uma lenda na Itália, onde construiu toda a sua carreira dentro dos gramados. Ex-atacante de Juventus, Milan, Atalanta e outros clubes, o italiano ganhou experiência como técnico nas divisões inferiores do time rossonero e atualmente é o treinador do Brescia.

4. Steven Gerrard

Steven Gerrard
Gerrard ainda se prepara para dar um salto maior na carreira de treinador. / Ian MacNicol/GettyImages

Gerrard atuou em apenas um clube na Europa: o Liverpool, onde se tornou uma lenda. Em 2017, pouco após se aposentar na MLS, o ex-meio-campista iniciou sua formação como treinador e deu bons indícios de que pode construir uma bela trajetória também fora das quatro linhas. Hoje, ele trabalha no Rangers.

5. Patrick Vieira

Patrick Vieira Crystal Palace
Patrick Vieira ganhou até Copa do Mundo em seus tempos de jogador. / Sebastian Frej/MB Media/GettyImages

Patrick Vieira se aposentou há cerca de 10 anos, em 2011, quando decidiu colocar um ponto final em uma carreira repleta de conquistas e experiências. Campeão da Copa do Mundo de 1998 com a França e com passagens por Arsenal, Juventus, Inter de Milão, Manchester City e outros clubes, o ex-volante se preparou e hoje é treinador do Crystal Palace.

6. Wayne Rooney

Derby County Wayne Rooney
O ex-atacante Rooney comanda o modesto Derby County. / Ashley Allen/GettyImages

Ex-companheiro de Cristiano Ronaldo no Manchester United, Rooney se notabilizou no futebol na Premier League e na MLS. No ano passado, o então atacante deu largada em sua nova carreira e começou a trabalhar como treinador no Derby County, que foi o último time de sua carreira. Aos 36 anos, o britânico agora é “obrigado” a gostar de treinar.

7. Thierry Henry

Thierry Henry
Thierry Henry sumiu na MLS por um bom tempo, mas hoje trabalha em uma seleção. / Denis Doyle/GettyImages

Henry foi um dos grandes atacantes de sua geração. Ex-Monaco, Juventus, Arsenal, Barcelona e outros clubes, o astro francês viveu suas primeiras experiências fora das quatro linhas na Seleção da Bélgica, onde trabalhou como auxiliar, e depois ainda passou por Monaco e Montreal Impact. Hoje, ele voltou a trabalhar como auxiliar no esquadrão belga.

8. Thiago Motta

UC Sampdoria v Spezia Calcio - Serie A
Thiago Motta segue trabalhando na Itália, mas não dentro de campo. / Getty Images/GettyImages

O ítalo-brasileiro Thiago Motta é outro ex-jogador de sucesso que virou treinador e ainda não ganhou muito holofotes. Formado no Barcelona e com passagens por Atlético de Madrid, Genoa, Inter de Milão e Paris Saint-Germain, o ex-meio-campista começou na nova função há cerca de três anos e hoje comanda o Spezia Calcio, da Itália.

facebooktwitterreddit