Copa do Mundo 2022

73 dias para a Copa do Mundo: Seleção Brasileira é a que mais acumulou vitórias em todas as edições até hoje

Bia Palumbo
O Brasil é o maior campeão, o que mais venceu e fez gols na história da Copa do Mundo
O Brasil é o maior campeão, o que mais venceu e fez gols na história da Copa do Mundo / Eduardo Fricks
facebooktwitterreddit

O Catar será o 19º país a receber a Seleção Brasileira em uma Copa do Mundo e faltam exatamente 73 dias para a bola rolar no Oriente Médio. E o número 73 representa a quantidade de vitórias da canarinho na história das Copas.

Em 109 jogos, são 73 vitórias, 18 empates e 18 derrotas. A única seleção pentacampeã mundial desembarca em solo catari após campanha invicta nas Eliminatórias empolga os torcedores que sonham com o hexacampeonato justamente 20 anos depois do último título mundial, conquistado justamente no continente asiático, mais precisamente no Japão.

A Suécia é a maior vítima do Brasil quando o assunto é Copa do Mundo. Foram sete confrontos até hoje, sendo que os brasileiros venceram cinco vezes e empataram as outras duas. E o triunfo mais emblemático, por 5 a 2, rendeu a primeira taça, em 1958. Pelé (2), Vavá (2) e Zagallo estufaram as redes, Liedholm e Simonsson descontaram.

A Alemanha precisa ser finalista em 2022 para alcançar a Seleção Brasileira, mas para isso Neymar e cia não poderiam ganhar nenhuma partida. Ao todo são 67 vitórias germânicas, 45 da Itália, que sequer se classificou desta vez, e 43 da Argentina.

O melhor ataque da história

São 229 gols marcados desde 1930, no Uruguai, quando o técnico Píndaro de Carvalho Rodrigues convocou um grupo formado basicamente por jogadores que atuavam no Rio de Janeiro, dentre eles Preguinho (Fluminense), autor do primeiro gol brasileiro em Copa do Mundo. E além do futebol, João Coelho Netto foi atleta de natação, remo, polo aquático, saltos ornamentais, atletismo, basquete, vôlei, hóquei sobre patins e tênis de mesa. A rede continuou balançando com frequência, atingindo números que nenhum outro país atingiu até hoje.

O recordista em termos de artilharia com a camisa verde e amarela é Ronaldo Luís Nazário de Lima, mais conhecido como Ronaldo Fenômeno, que anotou 15 gols, sendo dois deles que garantiram o título em 2002. Finalista na França em 1998, o ex-atacante e atual investidor do Cruzeiro também atuou na Alemanha em 2006.

Era Tite

Adenor Leonardo Bachi, o Tite, está prestes a igualar Telê Santana por comandar o Brasil em duas Copas seguidas. Ele estreou na Rússia em 17 de junho de 2018, no empate em 1 a 1 com a Suíça, depois engatou três vitórias por 2 a 0 (Costa Rica, Sérvia e México), até a eliminação com derrota por 2 a 1 para a Bélgica. Neymar (2), Philippe Coutinho (2), Paulinho, Renato Augusto, Roberto Firmino e Thiago Silva marcaram.

Roberto Firmino, autor do segundo gol do Brasil contra o México na Copa do Mundo de 2018
Firmino saiu do banco e deixou o dele contra os mexicanos na última vitória brasileira em Copas do Mundo, em 2 de julho de 2018 / MANAN VATSYAYANA/GettyImages

Quando o Brasil estreia na Copa de 2022?

A seleção canarinho inicia sua jornada rumo ao hexa no dia 24 de novembro, contra a Sérvia, que também enfrentou em 2018. Logo depois encara na primeira fase Suíça e Camarões, adversários que venceu nos Mundiais de 2018 e 2014, respectivamente. Como está no grupo G, os dois melhores classificados terão pela frente no primeiro mata-mata, as oitavas de final, Portugal, Gana, Uruguai ou Coreia do Sul, integrantes do grupo H.

Quando é a final da Copa do Mundo do Catar?

O campeão sai no dia 18 de dezembro no Estádio de Lusail, que recebe ainda seis partidas na primeira fase (Argentina x Arábia SauditaBrasil x SérviaArgentina x MéxicoPortugal x UruguaiArábia Saudita x México e Camarões x Brasil) e mais quatro no mata-mata, sendo uma em cada fase até a decisão.

facebooktwitterreddit