Listas

7 técnicos famosos que estão livres no mercado da Europa

Antonio Mota
Zidane e Ernesto Valverde estão livre no mercado.
Zidane e Ernesto Valverde estão livre no mercado. / Anadolu Agency/Getty Images
facebooktwitterreddit

O mês de agosto chegou e junto trouxe a nova temporada (2021/22) de clubes da Europa. Nas últimas semanas, a bola rolou na França, na Espanha, na Inglaterra, na Alemanha e em várias outras grandes ligas do futebol do Velho Continente – o pontapé na Itália vai ser nesse final de semana. E, curiosamente, muitos treinadores conhecidos e consagrados não foram vistos, já que estão desempregados.

Sem mais delongas, veja 7 técnicos de renome na Europa que estão livres no mercado da bola.   

1. Zinédine Zidane

Zinedine Zidane
O Zidane vai para onde? / Juan Manuel Serrano Arce/Getty Images

Um dos maiores treinadores da última década, Zidane consolidou o seu nome no mercado de técnicos na Europa em seu período à frente do Real Madrid. Em cinco anos no Santiago Bernabéu – lembrando que ele ficou dez meses longe do clube entre 2018 e 2019 –, o lendário francês conquistou inúmeros títulos, incluindo três Champions League e duas LaLiga.

Após muitas críticas e desgaste, o comandante decidiu tirar um tempo para si e deixou os Blancos no final da temporada passada. Será que ele vai esperar para assumir a Seleção da França ou vai topar algum outro desafio?

2. Antonio Conte

Antonio Conte
Antonio Conte abandonou a Inter de Milão. / Mattia Ozbot/Getty Images

A Inter de Milão conquistou a Serie A na última temporada, mas parece que não vai conseguir se manter no topo. Após um ano especial, no qual conseguiu tirar o domínio da Juventus, a Internazionale precisou se desfazer de jogadores e, de quebra, perdeu Antonio Conte. O treinador não aceitou o que lhe foi proposto e decidiu abandonar o barco.

3. Claudio Ranieri

Claudio Ranieri
Claudio Ranieri não conseguiu decolar após deixar o Leicester United. / Getty Images/Getty Images

Renomado pelo trabalho à frente do Leicester, Ranieri não conseguiu emplacar nenhuma grande façanha nos últimos anos. De 2017 para cá, o técnico italiano comandou quatro clubes – Nantes, Fulham, Roma e Sampdoria, respectivamente –, mas não conseguiu dar o retorno esperado. Ele está desempregado desde o final da última temporada.

4. Andrea Pirlo

Andrea Pirlo
Pirlo não foi bem na Juventus. / MIGUEL MEDINA/Getty Images

Um dos grandes meio-campistas da história do futebol da Itália, Pirlo não começou bem sua carreira como treinador. Aposta da Juventus, o técnico não conseguiu alcançar o nível esperado e foi demitido após uma temporada em Turim. Agora, ventilado até na MLS, o treinador tenta recomeçar.

5. Ernesto Valverde

Ernesto Valverde
Ernesto Valverde não atua como treinador desde o ano passado. / GIUSEPPE CACACE/Getty Images

Ernesto Valverde não trabalha como treinador desde o começo do ano passado, quando foi demitido do Barcelona. Velho conhecido na Espanha, o técnico de 57 anos até foi ventilado em clubes nos últimos tempos, mas acabou não fechando com ninguém. Quem vai apostar no ex-Barça?

6. Frank Lampard

Lampard Chelsea
Lampard não trabalha desde que foi demitido do Chelsea. / DANIEL LEAL-OLIVAS/Getty Images

Após fazer um bom trabalho de amadurecimento no Derby County, da Inglaterra, Lampard chegou ao comando do Chelsea em meados de 2019. Em Stamford Bridge, o ex-meio-campista inglês oscilou, mas foi fundamental no processo de rejuvenescimento do clube. Porém, após uma sequência ruim de resultados, foi demitido e entregou o caminho para Thomas Tuchel conquistar a Champions League. Ele não trabalha desde janeiro.

7. Arsène Wenger

Arsene Wenger
Arsène Wenger é uma lenda do Arsenal. / Clive Mason/Getty Images

Embora seja visto como “aposentado” por muitos fãs da bola, o icônico Arsène Wenger ainda segue à disposição do mercado de técnicos. Lenda do Arsenal, clube onde trabalhou por 22 temporadas, o treinador não trabalha há mais de três anos, mas isso não quer dizer nada. Ele, inclusive, foi ventilado na Seleção da Suíça após a Eurocopa.

facebooktwitterreddit