Listas

7 talentos da Série B que poderiam perfeitamente estar em um clube da Série A

Nathália Almeida
Edu, centroavante do Brusque, é um dos destaques do torneio
Edu, centroavante do Brusque, é um dos destaques do torneio / RUDY TRINDADE/FramePhoto/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

Ano após ano, a Série B vai revelando e garantindo reforços interessantes para clubes da elite do futebol brasileiro. Passadas nove rodadas desde o início da competição nacional, mapeamos 7 destaques em ação na segunda divisão que caberiam, perfeitamente, em clubes da Série A. Confira quem são eles:


1. Guillermo Paiva (Náutico)

O atacante paraguaio de 23 anos já havia se destacado em sua primeira passagem pelo Náutico. Repatriado em abril deste ano, já soma quatro gols em sete partidas pelo Timbu na Série B, sendo um dos artilheiros da equipe no torneio.

Tem boa visão de jogo e bom poder de finalização, além de ser jovem, portanto, caberia em vários clubes da Série A que buscam um goleador promissor.

2. Edu (Brusque)

28 anos já não é mais garoto, portanto, Edu não é promessa. Mas não há nada mais justo do que apontar o artilheiro da competição como um dos talentos em ação na Série B. Em fase inspirada, o forte centroavante vem empilhando gols: são sete bolas na rede em nove rodadas.

Clubes da Série A com dificuldades de balançar as redes, como Cuiabá e Sport, poderiam pensar em sua contratação.

3. Matías Galarza (Vasco)

O meia paraguaio de apenas 19 anos de idade é um dos xodós da torcida do Vasco, e há muita expectativa em torno de seu nome em São Januário. Tem muita habilidade e bom passe, características valiosas para quem atua neste setor do campo. Está sendo monitorado de perto por clubes estrangeiros.

4. Matheus Barbosa (Cruzeiro)

Versátil e polivalente, o volante Matheus Barbosa é um dos raríssimos destaques da campanha do Cruzeiro na Série B. Atuando no clube mineiro via empréstimo - seu passe pertence ao Avaí -, vem se destacando na contenção e também na qualidade ao apoiar, não à toa já soma quatro gols nesta edição da competição nacional.

5. Jean Carlos (Náutico)

É o melhor jogador do Náutico na Série B, e sendo o Timbu o atual líder da tabela de classificação, é natural considerar o armador de 29 anos como o grande nome do torneio até aqui. O apelido de "Jean Mágico" não é à toa, afinal, joga em alto nível desde que chegou aos Aflitos em 2019. Soma quatro gols e duas assistências em nove rodadas.

É, até aqui, o jogador com mais finalizações a gol na competição.

6. Tadeu (Goiás)

Chega a impressionar o fato de Tadeu não ter recebido propostas de clubes da elite do futebol nacional após o rebaixamento do Goiás à segunda divisão. Mesmo no ano da queda do Esmeraldino, foi um dos raros destaques individuais da equipe.

Hoje, aos 29 anos, segue mantendo a regularidade e o alto nível: está entre os 5 goleiros com mais defesas na Série B, desempenho que ajuda a explicar o fato do Goiás ter a segunda melhor defesa do torneio.

7. Bidu (Guarani)

Matheus Lima, popularmente conhecido como Bidu, chegou a estar na mira do Santos ao longo da temporada 2020, mas acabou renovando com o Bugre. O lateral-esquerdo é uma das principais válvulas de escape deste poderoso ataque campineiro, o segundo melhor da Série B com 16 gols.

Destes 16 gols do Guarani na competição nacional, quatro (25%) passaram diretamente pelos pés de Bidu: dois gols e duas assistências.

Muitos torcedores gostariam de vê-lo atuando no meio-campo, já que é muito forte no apoio, mas deixa a desejar na defesa.

facebooktwitterreddit