Listas

7 jogadores que deixaram a Série A recentemente e nunca mais ouvimos falar deles

Lucas Humberto
Pulmão do Santos, Pituca hoje está nos gramados asiáticos
Pulmão do Santos, Pituca hoje está nos gramados asiáticos / Masashi Hara/GettyImages
facebooktwitterreddit

Mercados alternativos, clubes de menor expressão na Europa, times pouco badalados da América do Sul... Há vários caminhos para o "desaparecimento" no futebol. E, por vezes, nem precisa haver tanta distância temporal para resultar no esquecimento. Abaixo, nós listamos sete jogadores que deixaram a Série A recentemente e nos nunca mais ouvimos falar deles.

1. Dodi

Dodi Fluminense
Novela de renovação de Dodi não teve desfecho feliz / Buda Mendes/GettyImages

Propostas, contrapropostas, reuniões, impasses, leilão... Dodi e Fluminense protagonizaram uma novela pela renovação e, no fim, sequer acertaram as bases. Embora estivesse em bom momento no Brasil, o meia decidiu partir rumo ao futebol asiático, onde está esquecido no Kashiwa Reysol, do Japão. Ainda dá tempo de buscar voos mais altos...

2. Diego Pituca

Diego Pituca Santos
Pituca deixou saudades no torcedor santista / Masashi Hara/GettyImages

Diego Pituca era considerado o pulmão do Santos que chegou à decisão da Copa Libertadores, em 2020. Mas, antes mesmo da derrota para o Palmeiras na final do torneio continental, o meia estava acertado com o Kashima Antlers, do Japão. A saída foi lamentada por quase todas as partes envolvidas, incluindo o presidente Rueda.

3. Leandro Damião

Leandro Damião Santos
Damião gerou prejuízo nos cofres do Alvinegro Praiano / Masashi Hara/GettyImages

A torcida do Santos não tem as melhores lembranças de Leandro Damião. Contratado para substituir Neymar, o centroavante nunca se firmou na equipe alvinegra e, diante disso, emplacou sucessivos empréstimos. Assim como os dois primeiros nomes da lista, a causa do sumiço do jogador é a mesma: Ásia. Ele está no Kawasaki Frontale, do Japão, desde 2019.

4. Clayson

Clayson Cuiabá Bahia Corinthians Mercado
Clayson está em pleno declínio na carreira / Miguel Schincariol/GettyImages

Campeão da Série A com o Corinthians em 2017, Clayson viu sua carreira entrar em declínio nos últimos anos. Hoje ele está no Al-Faisaly, da Arábia Saudita. Em 2021, quando estava emprestado ao Cuiabá, o atacante teve o contrato rescindido em razão da acusação de agressão a uma mulher. Quando retornou ao Bahia, em 2022, passou por nova rescisão.

5. Marcelo Grohe

Marcelo Grohe Grêmio
Grohe marcou época pelo Grêmio / JUAN MABROMATA/GettyImages

Marcelo Grohe saiu do Grêmio pela porta da frente. Foram 15 anos de serviços prestados no time principal. Isso sem contar os anos nas categorias de base, claro. Em 2019, o Al-Ittihad, da Arábia Saudita, pagou cerca de US$ 3 milhões (R$ 11,6 milhões) para tirar o experiente goleiro de Porto Alegre.

6. Alison

Alison Santos
Volante era capitão do Peixe / Pool/GettyImages

Líder nato, capitão, e Menino da Vila, Alison tinha plena identificação com a torcida. Em 2021, a união foi parcialmente desfeita. Ele se transferiu para o Al-Hazem, da Arábia Saudita. Mas o casamento durou pouco. Em maio deste ano, o volante acertou sua rescisão contratual e, hoje, segue em tratamento de uma grave lesão nas dependências santistas.

7. Piris da Motta

Piris da Motta Flamengo Cerro Porteño
Piris da Motta em ação pelo Paraguai / Pedro Vilela/GettyImages

Piris da Motta nunca atingiu as expectativas da Nação. Vestindo a camisa do Flamengo, por exemplo, disputou apenas 49 partidas. Em janeiro deste ano, o volante foi anunciado pelo Cerro Porteño, do Paraguai. Embora ele tenha desaparecido do nosso radar, o veremos nas oitavas de final da Libertadores, uma vez que a equipe enfrenta o Palmeiras.

facebooktwitterreddit