Futebol Internacional

7 estrelas internacionais que, assim como Daniel Alves, se transferiram para o futebol mexicano

Lucas Humberto
Daniel Alves irá defender as cores do Pumas, do México
Daniel Alves irá defender as cores do Pumas, do México / CHARLY TRIBALLEAU/GettyImages
facebooktwitterreddit

Daniel Alves está de casa nova. Multivencedor nos gramados europeus, o experiente lateral-direito terá uma empreitada um pouco diferente das anteriores. Ele irá defender as cores do Pumas, do México. Segundo informações da imprensa local, o brasileiro de 39 anos assinou um contrato válido por uma temporada.

Com a contratação tendo sido oficializada nesta quinta-feira, 21, Dani Alves se prepara para seguir o caminho de outras estrelas internacionais. Abaixo, nós listamos sete grandes nomes da modalidade que tiveram passagens (ou ainda estão) no futebol mexicano.

1. Ronaldinho Gaúcho

Ronaldinho, ex-meia do Querétaro
Ronaldinho celebrando gol pelo Querétaro / Refugio Ruiz/GettyImages

Antes de chegar ao Fluminense para encerrar a carreira, Ronaldinho teve uma curta passagem pelo Querétaro. Em nove meses, o eterno camisa 10 disputou 30 partidas, anotou oito gols e deu sete assistências. Ele se consolidou como um dos pilares da campanha do vice-campeonato local.

2. Eusébio

Eternizado entre os nomes que mudaram o rumo do futebol europeu, Eusébio, depois de marcar uma geração de torcedores do Benfica, partiu para uma série de outras empreitadas, incluindo um contrato de duas temporadas com o Monterrey. Ele acabou disputando apenas 10 partidas.

3. Pep Guardiola

Quando mencionamos os anos de Guardiola dentro das quatro linhas, imediatamente vem a imagem do Barcelona na mente, certo? Mas, apesar da identificação histórica, o ex-volante encerrou sua carreira no Dorados de Sinaloa. Foram seis meses no México.

4. André-Pierre Gignac

André-Pierre Gignac, atacante do Tigres
Gignac está entre os pilares do Tigres / JULIO CESAR AGUILAR/GettyImages

Carrasco do Palmeiras no Mundial de Clubes de 2020 - e consequente "ídolo" do Corinthians -, Gignac construiu toda uma carreira nos gramados da França antes de partir rumo ao Tigres, em 2015. Ele está lá desde então, emplacando títulos e conquistas expressivas.

5. Bernd Schuster

Bernd Schuster em ação pelo Pumas
Schuster marcou época na Europa / DAVID HERNANDEZ/GettyImages

Bernd Schuster, assim como Guardiola, viveu os pontos mais altos da carreira na Espanha. Entre Real Madrid, Barcelona e Atlético de Madrid, o alemão levantou 14 troféus. Ainda assim, o ex-meia pendurou as chuteiras no Pumas. Foram somente sete meses na Liga MX.

6. Vincent Janssen

Vincent Janssen, ex-atacante do Monterrey
Janssen deixou o Monterrey recentemente / Azael Rodriguez/GettyImages

Destaque do AZ Alkmaar, da Holanda, nos idos de 2016, Vincent Janssen chegou ao Tottenham como um potencial concorrente a Harry Kane, mas acabou não se firmando. Em 2019, o Monterrey desembolsou 9 milhões de euros para tê-lo no elenco. Ele saiu em julho deste ano.

7. Héctor Moreno

Héctor Moreno, zagueiro do Monterrey
Moreno em ação pelo Monterrey / Jam Media/GettyImages

Formado nas categorias de base do Pumas, Héctor Moreno partiu rumo ao Velho Continente logo cedo. Depois de anos entre AZ Alkmaar, Espanyol, PSV, Roma, Real Sociedad e Al-Gharafa, o mexicano de 34 anos retornou ao país natal. Ele está no Monterrey desde 2021.

facebooktwitterreddit