Do Vasco à Seleção, Ricardo Graça teve uma boa participação no Pré-Olímpico da Colômbia, mas acabou perdendo espaço no alvinegro carioca. O zagueiro começou a temporada substituindo Walce, do ​São Paulo, no Brasil sub-23, mas precisou desfalcar o Cruzmaltino e vai ter que suar para recuperar o terreno perdido.


A revelação vascaína teve boas atuações com a Seleção Brasileira de André Jardine, mas acabou ficando de lado em seu retorno ao ​Vasco de Abel Braga. Sem o comandante à frente do clube, Ricardo Graça tem o caminho livre para ‘recomeçar’ a sua trajetória em São Januário após a suspensão do futebol por conta do novo coronavírus.

FBL-BRAZIL-FLAMENGO-VASCO

Seguro, o zagueiro de 23 anos foi bastante regular na Seleção, mas não conseguiu ter sequência em seu retorno e esteve em campo em apenas 90 minutos. Abel Braga não queria montar uma dupla de zaga com dois jogadores canhotos e não mexeria no titular Leandro Castán. Deste modo, Werley ficou com a vaga que sobrava, enquanto Graça e Miranda apareciam como opções.

Atualmente, o Vasco segue sem treinador e ​monitora o mercado nacional e internacional na busca de um substituto para o experiente Abelão. Os jogadores têm realizado treinos em casa para manter a forma e chegar ao eventual retorno da temporada nas melhores condições possíveis.