​Que eles jogam muita bola, isso é fato e todos sabem. No artigo de hoje, separamos oito atletas brasileiros que fizeram a diferença na Premier League. Tá pronto? Então vem com a gente!


Gilberto Silva

Gilberto Silva

O craque começou sua carreira nas categorias de base do América-MG, onde ficou de 1988 até 1993. Também teve passagem pelo Atlético-MG, Arsenal, Panathinaikos e Grêmio. Ajudou na defesa da Seleção Brasileira por três jogos, sendo um amistoso e dois duelos das eliminatórias. Marcou três gols com a amarelinha e contribuiu na classificação para a Copa de 2002, ganhando a confiança de Felipão, técnico da época. Titular no penta, também foi capitão dos Gunners, além de fazer parte do inesquecível time invicto de 2004.



Juninho Paulista

Juninho

O pontapé de sua carreira foi no Ituano em 1992. Com a evolução de seus feitos com a bola, chamou a atenção e atuou em clubes nacionais como ​São Paulo, Palmeiras, Flamengo e Vasco; e internacionais como Middlesbrough, Atlético de Madrid, Celtic e Sydney FC. De acordo com o jornal inglês The Sun, Juninho foi considerado o segundo melhor atleta brasileiro em um clube inglês. Anunciou sua aposentadoria em 2010 e desde 2019 assume o cargo de coordenador da Seleção Brasileira.



Edu Gaspar

Edu Gaspar

Muita gente conhece Edu Gaspar por ele ter trabalhado como 'braço direito' de Tite, mas o ex-jogador teve trajetórias em clubes brasileiros e internacionais. Começou sua carreira no Corinthians, onde conquistou dois Campeonatos Brasileiros (1998 e 1999) e um Campeonato Paulista (1999). Defendeu gigantes europeus como Arsenal Valencia e ainda atuou pela Seleção Brasileira. Trabalhou como coordenador de seleções da CBF de 2016 até 2019, quando, após a conquista da Copa América do mesmo ano, deixou o cargo para se tornar diretor técnico do Arsenal.



Lucas Moura

Lucas Moura

O jogador que marcou hat-trick em um duelo decisivo e garantiu a classificação de seu time para a final da Liga dos Campeões 2019 tem uma história emocionante no futebol. Lucas Moura atuou pelo ​São Paulo por três anos até ir para o Paris Saint-Germain, onde defendeu o clube por cinco anos. Porém, a trajetória do brasileiro no gigante francês não foi das melhores. O jogador ficava mais tempo no banco de reserva do que em campo. No começo de 2018, o atleta foi anunciado pelo Tottenham, da Inglaterra, e ganhou mais reconhecimento de seu futebol. Em maio de 2019, ele marcou três na partida entre Tottenham e Ajax e levou o clube inglês para sua primeira final na Champions League.



Richarlison

Richarlison

Apesar da idade, a responsabilidade do 'pequeno' é grande. Aos 22 anos, Richarlison brilha pelo Everton, da Inglaterra, atual clube do jogador. Antes do Everton, Pombo, como é popularmente conhecido, teve passagens por dois clubes brasileiros (América Mineiro e Fluminense) e outro inglês (Watford). Foi convocado por Tite em 2018 para disputa de amistoso e 2019 para defender a Seleção Brasileira pela Copa América, torneio onde a equipe brasileira levou o título para casa.



Willian

Willian

Jogador renomado e de grande importância, Willian é vista como uma peça fundamental no mercado do futebol. Defendeu grandes clubes como Corinthians, Shakhtar Donestk, Anzhi Makhachkala e Chelsea, sua equipe atual desde 2013. Esteve na lista de convocados para a Seleção Brasileira oito vezes (2011, 2013, 2014, 2015, 2016, 2017, 2018 e 2019).


Fernandinho

Fernandinho

Revelado no Athletico-PR e com grande experiência na Seleção Brasileira, o volante ganhou muito destaque com a camisa do Manchester City. Pelo clube de Pep Guardiola, conquistou três títulos da Premier League, quatro da Copa da Liga Inglesa, um da Supercopa da Inglaterra e um da Copa da Inglaterra. Currículo espantoso.


Roberto Firmino

Roberto Firmino

O que esse cara joga de futebol é simplesmente surreal. Roberto Firmino defende o Liverpool desde 2015 e até o momento marcou 77 gols. Estreou pela Seleção Brasileira em 2014, foi convocado para a Copa América 2015, Copa do Mundo 2018 e Copa América 2019



Alisson Becker

Alisson Becker

O primeiro lugar é muito bem merecidíssimo. Com passagens pelo Internacional e Roma, Alisson Becker foi considerado um dos goleiros mais caros da história ao se transferir para o Liverpool. Em 2019, Alisson recebeu grandes prêmios tais como: Luva de Ouro da Premier League, Melhor Goleiro da Copa América, Melhor Goleiro da UEFA, Melhor Goleiro da FIFA, Troféu Yashin e Troféu Samba de Ouro. Esse aqui está sem moral, né?