​Comprado pelo Flamengo junto ao Manchester City (onde nunca foi aproveitado) na metade de 2019, o zagueiro Pablo Marí foi titular absoluto nas conquistas da Libertadores da América e do Campeonato Brasileiro. Diante de tamanho sucesso, acabou cedido por um empréstimo de 5 milhões de euros ao Arsenal. E, segundo destaca o site ​Coluna do Fla, a tendência é de que a venda em definitivo ocorra naturalmente. Aliás, já estaria até bem encaminhada.



Marí, que ainda está em período de adaptação ao futebol inglês, disputou até o momento somente uma partida pela equipe londrina. No entanto, o clube, em contato com a cúpula rubro-negra, já teria indicado que exercerá o direitos de compra. Com isso, o Fla poderá lucrar até 16 milhões de euros (já incluindo aí os bônus e metas) com o espanhol, que chegou ao Rio de Janeiro como um desconhecido e, rapidamente, virou ídolo.



Para repor a perda, o Rubro-Negro já contratou Léo Pereira, que no ano passado se destacou pelo Athletico-PR. Outro que desembarcou na Gávea foi Gustavo Henrique, ex-Santos. Os dois têm recebido oportunidades por parte do técnico Jorge Jesus, mas é fato que o novo companheiro de Rodrigo Caio ainda não está definido pelo português.


Para mais notícias do Flamengo, clique ​aqui.