Flamengo ainda não fechou o elenco e procura um lateral-direito para sequência da temporada. O rubro-negro não vai fazer ‘loucuras’ e, como em outras contratações, deve aproveitar oportunidades que surgirem no mercado nacional e internacional.


A ideia é reforçar o elenco pontualmente sem gastar ou “arriscar demais”. Com essa proposta, o clube encontrou o colombiano Daniel Muñoz, do Atlético Nacional. De acordo com o ​Lancenet, o lateral de 23 anos é cotado para ser o reserva imediato do experiente Rafinha – o jovem João Lucas não engrenou na Gávea e deve ficar como 3ª opção.


FBL-BRAZIL-FLAMENGO-LIVERPOOL-TRAINING

Muñoz também interessa ao ​Palmeiras, mas os colombianos não querem negociar com a equipe paulista. O diretor de futebol do Verdão, Anderson Barros, foi a Medellín, na última quarta-feira (12), para tentar avançar na tratativa, mas o impasse no caso Borja trava a negociação entre os clubes.


O Flamengo sabe do obstáculo envolvendo os dois times e deve aproveitar o momento para fazer a investida. Em entrevista após vitória no Fla-Flu, o treinador Jorge Jesus expôs a busca por mais um reforço. “Estamos de acordo que o Flamengo fez reforços cirúrgicos em função das nossas necessidades. Ainda vamos contratar mais um”, afirmou.


O lateral-direito Daniel Muñoz apareceu no Rio Negro Ávila, da Colômbia, como uma das grandes promessas sul-americanas da posição. Em 2019, o Atlético Nacional pagou 950 mil euros pelo jogador. Sem Rodinei, emprestado ao ​Internacional, e com o baixo custo de uma eventual negociação, o colombiano aparece como ótima alternativa.


Rafinha

Atualmente, a lateral direita é a posição mais carente do recheado elenco rubro-negro. O “abismo” entre o titular Rafinha e o reserva João Lucas é muito grande – o que não acontece em outras faixas do campo. Muñoz tem bom potencial e se bem treinado pode ser uma ‘peça de manutenção’ muito interessante.