O Vasco garantiu a classificação para a próxima fase da Copa do Brasil após empatar por 1 a 1 com o Altos, do Piauí, fora de casa. O time ​Cruz-Maltino até criou muitas chances durante o jogo, mas pecou nas finalizações e quase acabou se complicando. O sistema ofensivo não teve um grande desempenho e Marrony foi muito questionado e vaiado por torcedores vascaínos que estavam no estádio; o jovem fez um gol contra na partida.


FBL-BRAZIL-FLAMENGO-VASCO

O jogador vem oscilando nas últimas partidas e já entrou na mira de parte da torcida. Durante a entrevista coletiva, Abel Braga foi perguntado sobre o jogador e se pode talguma mudança no time titular para o confronto contra o Oriente Petrolero, pela Copa Sul-Americana. O comandante disse que conversou com o atleta e cravou sua permanência no time principal.


Torcedor é soberano. Eu nunca vou reclamar do torcedor, daquilo que ele tem como atitude. Só vou dizer que o Marrony está garantido para o próximo jogo. A minha função é tentar botar em campo o melhor”, explicou o técnico.


Ainda na coletiva, “Abelão” reclamou bastante da postura do presidente do Altos, Warton Lacerda, e cobrou respeito a instituição do Vasco.



Quisemos abrir o treino ontem, mas tivemos que treinar fora daqui porque o “deus da verdade”, presidente desse grande clube, que é Altos, você viu o que ele falou. Disse: ‘o Vasco que se vire’. E depois dizem que a Copa do Brasil é a competição mais democrática. Ele deveria entender um pouco mais de democracia. Ele deveria entender um pouco o tamanho do Vasco. O Vasco é muito grande, é gigante”, completou