​A terça-feira (28) foi bastante agitada na Cidade do Galo. Nas redes sociais, bombou um vídeo em que o presidente do ​AtléticoSérgio Sette Câmara, é questionado por um homem em um avião sobre a possibilidade de contratar Diego Tardelli. "É asilo aqui agora, é? Jogador de 36 anos", ironiza o cartola alvinegro, indicando que não há qualquer interesse de Rafael Dudamel trazer o veterano, que, na verdade, está com 34 anos. 


Obviamente pelo conteúdo para lá de controverso, o vídeo alcançou todas as partes envolvidas, incluindo o próprio centroavante que teve seu contrato rescindido no Grêmio. Setores da mídia mineira chegaram a apontar conversas iniciais entre o Galo e Tardelli em busca de um acerto para a temporada 2020, mas Sette Câmara, pelo jeito, nem pensou na possibilidade. Ao menos, de maneira oficial. 

Diego Tardelli

Eis que no início da noite desta terça, Tardelli tratou de rebater a declaração do presidente do Atlético. Em sua conta no Instagram, o camisa 9 mandou um recado para lá de direto. "Sr. Sérgio Sette Câmara. Sempre honrei a camisa do Galo e todos sabem do carinho e respeito que tenho pelo clube e pela sua fanática torcida. No Atlético, fui extremamente feliz, realizado e ajudei a instituição a conquistar vários títulos, inclusive, o mais importante de sua maravilhosa e rica história. Já fiz muito pelo clube e mereço respeito. Além disso, com 34 anos, me sinto um garoto e estou cheio de planos para a minha carreira", escreveu o centroavante. 

No Galo, Tardelli acumulou duas passagens, sendo a mais vitoriosa em 2013 quando foi protagonista do título inédito da Libertadores, a Recopa Sul-Americana na temporada seguinte e a Copa do Brasil, com direito a vitória em cima do Cruzeiro na decisão. Pelo Atlético-MG, o centroavante fez 219 jogos e 110 gols com a camisa alvinegra. No momento, o jogador estuda propostas do futebol chinês, mas não descarta permanecer no país por mais um ano.