​O palmeirense vive dias de ansiedade neste início de temporada. Enquanto dentro de campo a equipe apresenta bom futebol e cria boas expectativas com trabalho de Vanderlei Luxemburgo, fora das 4 linhas o torcedor está roendo as unhas acompanhando os bastidores na espera de contratações. 

Cruzeiro v Palmeiras - Brasileirao Series A 2019


Acostumado nos últimos 4 anos com uma postura ofensiva no mercado do primeiro semestre, o torcedor acompanha neste ano um ​Palmeiras calmo e certeiro no mercado, muito diferente daquilo que acontecia quando a gestão do futebol era a de Alexandre Mattos. Vivendo dias de espera, o palestrino tem acompanhando uma série de nomes especulados mas nenhum reforço ainda anunciado pelo diretor de futebol recém contratado Anderson Barros.


Principal nome em disputa no mercado, o atacante Rony ocupa boa parte do noticiário da equipe paulista. Muito tem se falado sobre a disputa entre Palmeiras e Corinthians pelo jogador, mas a informação mais recente apurada pelo Jornal ​Lance! e pelo comentarista da Fox Sports Osvaldo Pascoal, a negociação entre o Palmeiras e o jogador está bem encaminhada. O atleta acenou positivamente pelo contrato de salários e luvas oferecido. Outra parte já definida é com o Athletico Paranaense, que também já aceitou os R$ 27,7 milhões de reais oferecidos pelo atacante. 



Sendo assim, o Palmeiras entende que todo seu movimento na negociação está feito e de forma positiva. O que falta agora para o Verdão sacramentar o negócio é um impasse financeiro entre os representantes do atleta e o Furacão. No entendimento do clube paranaense, o jogador teria direito a receber 1 milhão de dólares a partir da venda, independente do valor do negócio. Já o estafe de Rony considera que o acordo com o Furacão prevê a divisão por igual entre as partes; ou seja, o atacante e seus empresários levariam 3 milhões de euros. 


Importante lembrar que apesar do histórico complicado do jogador em relação à sua transferência conturbada do Albirex Nigata para o Furacão, só uma suspensão da Fifa pode atrapalhar Rony de atuar pelo Verdão caso seja confirmada sua contratação.