Cueva tem o apoio da diretoria do Santos para dar a volta por cima e permanecer na vila Belmiro em 2020. No entanto, a cada dia que passa, isso é cada vez mais improvável, tanto que o próprio jogador entende que é muito difícil que possa se recuperar no clube paulista. Nesta segunda-feira, inclusive, o peruano sequer treinou junto com os demais companheiros.




De acordo com o site ​A Tribuna, enquanto rolava um coletivo (com uniforme de jogo e arbitragem oficial) no gramado do CT Rei Pelé, Cueva estava na academia realizando um trabalho em separado. A assessoria de imprensa do Santos, porém, sequer informou o motivo da ausência do gringo da movimentação que simulou o que a equipe deve encontrar na quinta-feira, quando fará sua estreia no Campeonato Paulista, a partir das 19h15min, recebendo o Red Bull Bragantino na Vila.



Cueva não atua pelo Santos desde o dia 14 de agosto do ano passado, quando a equipe foi derrotada por 1 a 0 pelo Flamengo, no Maracanã, em partida do Campeonato Brasileiro. Recentemente, o atleta teria manifestado oficialmente o desejo em deixar o Peixe, tanto que trouxe, após as férias, uma proposta do San Lorenzo, da Argentina. O meia-atacante foi contratado no início de 2019 junto ao Krasnodar, da Rússia, por US$ 7 milhões. Seu contrato é válido até dezembro de 2022.


Para mais notícias do Santos, clique ​aqui