​Na noite do último sábado (18), o Corinthians foi derrotado por 2 a 1 pelo Atlético Nacional (COL), despedindo-se da Florida Cup, torneio amistoso de caráter preparatório, com a terceira posição geral. O desempenho alvinegro na competição dividiu opiniões, com alguns pontos positivos e outros negativos bem marcados. Quais lições o ​Timão e seu comandante, Tiago Nunes, podem tirar destes primeiros compromissos? Listamos.


​​1. Luan e Cantillo: ótima primeira impressão

Luan


As duas principais contratações do Corinthians para a temporada de 2020 foram, justamente, os que mais empolgaram a torcida alvinegra. O meia-atacante brilhou na estreia com dois gols e teve boa participação durante a primeira etapa do segundo jogo. O volante, por sua vez, nem pareceu recém-chegado ao futebol brasileiro, mostrando-se bastante à vontade na condução do meio-campo corintiano. Bom presságio?


2. Centroavantes em baixa

Vagner Love

O grande 'calcanhar de Aquiles' do Timão para 2020 parece que continuará sendo a camisa 9. Os três centroavantes do elenco alvinegro, Boselli, Vagner Love e Gustagol, decepcionaram no tempo de jogo que tiveram ao longo da Florida Cup. Os dois primeiros, por sinal, empilharam chances perdidas durante a partida contra o Atlético Nacional.


3. Melhorar a pontaria

Corinthians v Cruzeiro - Brasileirao Series A 2019

Esse fundamento dialoga diretamente com o item anterior. O Corinthians abusou de perder chances claras durante o torneio preparatório, especialmente neste último jogo, quando saiu derrotado de campo tendo muito mais volume e chances reais de gol. Aperfeiçoar a pontaria, calibrar as finalizações... Este será o desafio da comissão técnica de Tiago Nunes.