​A tarde desta quinta-feira (9) foi de novidade no Atlético-MG. Após algumas rodadas de negociações, o clube apresentou o volante Allan, que estava emprestado pelo Liverpool, da Inglaterra, ao Fluminense. Após uma disputa com o clube carioca, o Galo venceu a disputa e oficializou o meio-campista. O diretor de futebol Rui Costa também concedeu entrevista coletiva e detalhou duas situações para 2020.

O novo reforço explicou sua escolha e ressaltou o projeto de reconstrução apresentado pelo Atlético-MG. "Tinha o Galo, o Fluminense. Pela grandeza do Galo, pelo projeto que o Rui passou, eu adorei. É um time em reconstrução. Quero fazer parte. Estou aqui pra ajudar. Por isso escolhi o Galo", disse. "O projeto é de reconstruir a grandeza do Atlético. O Atlético é muito grande. Voltar a conquistar títulos importantes, voltar a vencer. Gosto de vencer. Sou um cara vencedor. Fico p... da vida quando perco jogo. Ele (Rui) me mostrou isso, que aqui é o lugar", adicionou.

Alison,Allan

Rui Costa


O diretor de futebol foi questionado com relação ao futuro do equatoriano Cazares. Apesar de ter se envolvido em algumas polêmicas, o meio-campista é bem avaliado internamente e está com 'brilho no olho' para trabalhar com Rafael Dudamel. Entretanto, uma saída não está descartada. "O Cazares é um dos grandes jogadores do Brasil, talvez da América, e é jogador do Galo. Teve momentos bons e ruins. Tem muita qualidade, tem vínculo. Pra que ele saia, tem que ser uma proposta que justifique sua saída", falou.


Cazares,Marcelo Estigarribia

"Ontem, na apresentação, o Dudamel pontuou a importância do Cazares. Vi um brilho no olhar dele que não tinha visto ainda. Pode vir uma proposta amanhã que justifique a saída? Pode. Mas ele está no grupo. E vai ter que mostrar que merece jogar (...) "Se o Cazares quiser jogar e for o jogador que ele pode ser, é um baita reforço", apontou Rui Costa, que se manifestou sobre os próximos passos da carreira de Nathan.

​​Demonstrando otimismo na permanência por mais uma temporada, o dirigente revelou uma reunião positiva com o estafe do jogador. "O Nathan mostra identificação com o Galo, vai nos jogos com a camisa do Galo. Hoje esteve aqui, a gente vem trabalhando há muito tempo pra que ele possa permanecer. As chances são boas. Mas, até assinar e carimbar, muita coisa pode acontecer", completou o diretor. 


Foto de capa: Bruno Cantini/Atlético-MG/Divulgação