O craque internacional Sadio Mané foi nomeado o Jogador Africano do Ano da CAF, em 2019. O camisa 10 se tornou o terceiro jogador do Liverpool e o segundo senegalês da história a ganhar o prêmio criado em 1992.


Os Reds viram Mohamed Salah levar a premiação da Confederação Africana de Futebol nos últimos anos (2017 e 2018), superando outros grandes jogadores, como Riyad Mahrez e Pierre-Emerick Aubameyang, que também ficaram com o título após Yaya Touré ganhar quatro vezes consecutivas entre 2011 e 2014.


Aos 27 anos, Mané conquistou o prémio pela primeira vez depois de vencer a Liga dos Campeões, a Supercopa da UEFA e o Mundial de Clubes da FIFA com o Liverpool. O atacante ainda foi o artilheiro da Premier League, junto aos atacantes Salah e Aubameyang, com 22 gols marcados.


Em entrevista à BBC, Mané agradeceu e falou do sentimento de ‘reconhecimento’. “Estou muito feliz e orgulhoso de vencer isso. O futebol é o meu trabalho, e eu adoro”, disse Mane à BBC. “Gostaria de agradecer à minha família, Seleção, staff, federação e ao Liverpool Football Club. É um grande dia para mim”.

TOPSHOT-FBL-ENG-PR-LIVERPOOL-WEST HAM

Em 2019, o senegalês disputou 53 partidas e marcou 35 gols. O atacante superou os finalistas da premiação Mohamed Salah e Joël Matip. Aubameyang, Mahrez e Serge Aurier, que também atuam na Premier League, fizeram parte da seleção dos 11 melhores africanos do mundo.


Achraf Hakimi,Lucien Favre

O marroquino Achraf Hakimi conquistou o prêmio de Jovem Jogador Africano do Ano em 2019. O lateral-direito defende o Borussia Dortmund por empréstimo e deve retornar ao Real Madrid no final da temporada 2019/2020.



Os melhores XI de 2019 do FIFPro África: André Onana (Ajax / Camarões), Achraf Hakimi (Borussia Dortmund / Marrocos), Kalidou Koulibaly (Napoli / Senegal), Joel Matip (Liverpool / Camarões), Serge Aurier (Tottenham / Costa do Marfim), Riyad Mahrez (Manchester City / Argélia), Idrissa Gana Gueye (Paris St-Germain / Senegal), Hakim Ziyech (Ajax / Marrocos), Mohamed Salah (Liverpool / Egito), Sadio Mané (Liverpool / Senegal), Pierre-Emerick Aubameyang (Arsenal / Gabão)