​Com a nova determinação de teto salarial imposta pela Federação Chinesa (você pode ver detalhes ​aqui), clubes locais terão que ser mais cautelosos em suas investidas por jogadores estrangeiros, afinal, houve uma complexificação da 'engenharia financeira' do futebol chinês. As grandes cifras terão que ser calculadas e muitas estrelas que rumavam ao país pelos altos salários podem começar a buscar novos rumos. Com base neste novo cenário, é possível imaginar clubes brasileiros repatriando jogadores? Com base na lista original do ​UOL Esportes, confira dez atletas nossos que estão na China e que cairiam como uma luva na Série A


1. Renato Augusto

Renato Augusto

Foi um dos grandes destaques da última edição do Campeonato Chinês e tem contrato com o Beijing Gouan até dezembro de 2021. Adaptado ao país asiático, não pensa em um retorno ao Brasil por ora, mas costuma ser um dos nomes mais comentados a cada nova janela. No Brasil, vestiu as camisas de ​Flamengo e ​Corinthians.


2. Alan Kardec

Alan Kardec

O centroavante de 30 anos tem contrato com o Chongqing Dangdai até dezembro de 2020. Seu nome tem sido vinculado frequentemente ao ​Vasco da Gama, clube que o revelou. Repatriá-lo parece ser um dos grandes desejos do clube carioca.


3. Anderson Talisca

FBL-CHN-CSL-GUANGZHOU-SHANGHAI

Revelado pelo ​Bahia, o meia-atacante foi campeão recentemente pelo Guangzhou Evergrande, maior potência do futebol chinês há algumas temporadas. Está com moral no clube asiático e tem contrato longo por cumprir: até junho de 2022. Transação difícil, mas não impossível.


4. Róger Guedes

FBL-CHN-CSL-BEIJING-SHANDONG

Teve um começo difícil com a camisa do Shandong Luneng, mas agora, um ano e meio depois de sua chegada, já está adaptado ao novo clube e ao país. Seu nome chegou a ser ventilado como possível reforço do Flamengo, mas as cifras que cercam sua contratação são bastante proibitivas. Tem contrato até julho de 2022.


5. Aloísio Boi Bandido

Aloisio

Muito identificado com o ​São Paulo, o forte atacante de 31 anos é ídolo absoluto do Guangdong Southern Tigers, clube que disputa a Segunda Divisão. Foi contratado em julho de 2019 pelo Guangzhou Evergrande, mas permaneceu nos Tigers pelo limite de estrangeiros do novo clube.


6. Alan

Alan

Revelado na base do ​Fluminense, o atacante de 30 anos pertence ao Guangzhou Evergrande, mas acabou emprestado ao Tianjin Tianhai em 2019 por conta do limite de estrangeiros. Seu empréstimo se encerra em 31 de janeiro de 2020 e dificilmente terá espaço no Guangzhou. É uma opção valiosa a ser considerada.


7. Oscar

FBL-CHN-CSL-GUANGZHOU-EVERGRANDE-SHANGHAI-SIPG

É a principal estrela do atual elenco do Shanghai SIPG e brilhou nas assistências nas últimas temporadas. Tem contrato com o clube até dezembro de 2020 e pretende cumpri-lo, mas já reforçou seu desejo de retornar ao Brasil em algum momento. 


8. Miranda

FBL-COPA AMERICA-2019-BRA-TRAINING

O experiente zagueiro de 35 anos chegou ao Jiangsu Suning em meados de 2019, após anos atuando pela Inter de Milão. Antes de acertar com o clube chinês, foi especulado como possível reforço de Flamengo e São Paulo. Seu contrato é válido até dezembro de 2021.


9. Paulinho

Paulinho

É o maior ídolo recente da torcida do Guangzhou Evergrande e é tratado como uma espécie de 'semideus' no futebol chinês, onde se sente muito à vontade. Foi o melhor jogador da última temporada e tem contrato com o clube até o final de 2023, quando terá 34 anos. Sonha em encerrar carreira no Corinthians.


10. Alex Teixeira

Alex Teixeira

Camisa 10, capitão e referência da equipe do Jiangsu Suning, o armador de 29 anos é o 'sonho de consumo' do torcedor do Vasco da Gama nesta janela, mas sua contratação é complicada justamente por seu status na China. Seu contrato tem validade até dezembro de 2020.