O Palmeiras se assustou com os valores pedidos pelo Goiás para negociar de forma definitiva o atacante Michael. O jogador se valorizou após ter feito um ótimo Campeonato Brasileiro e foi considerado a revelação do torneio nacional. Ainda em dezembro, o Verdão procurou a diretoria esmeraldina para tentar avançar nas tratativas, mas o clube goiano bateu o pé e pede R$ 50 milhões no negócio.



Rodolfo,Michael

As cifras foram consideradas pelos dirigentes do clube paulista como fora da realidade, já que o atacante é tido como uma aposta. O ​Palmeiras chegou a acenar com uma oferta de até R$ 20 milhões, mas o Goiás foi irredutível e descartou qualquer possibilidade para ceder nas conversas. Sendo assim, de acordo com o portal “​Lancenet”, o Alviverde não pretende gastar tanto em 2020 e está saindo da jogada.


Agora, a diretoria palmeirense volta a mapear o mercado Sul-Americano em busca de um jogador com características similares, mas que os valores estejam dentro do orçamento do clube. O treinador Vanderlei Luxemburgo participa diretamente do planejamento do Verdão para este ano e está disposto a ajudar os diretores alviverdes em eventuais negociações. O comandante avalia o elenco do Palmeiras como muito bom, mas que precisa de reforços pontuais para voltar a brigar por títulos.


Sem tanto poder de investimento como nas temporadas passadas, o presidente Maurício Galiotte não tem pressa para acertar as contratações e entende que o Alviverde não pode errar nas chegadas de novos jogadores. O objetivo traçado continua sendo buscar protagonistas no mercado da bola, que cheguem para melhorar consideravelmente o time titular nesse ano.