Ao final de 2019, nos despediremos da década de 2010, período marcado por mudanças, inúmeras trocas na área técnica e poucos títulos conquistados pela nossa Seleção Brasileira. Entre campanhas ruins em Copas do Mundo e o reencontro com a taça da Copa América, o que de melhor tivemos vestindo a camisa da Amarelinha entre 2010 e 2019? Elencamos o nosso XI ideal... Confira:

Alisson

FBL-WC-2018-BRA-TRAINING

Júlio César foi um dos grandes a vestir a Amarelinha, mas a segurança e confiabilidade trazidas por Alisson desde sua primeira aparição entre os convocados, em 2016, o conduzem a esta seleção. É um dos melhores goleiros do mundo na atualidade.


​Daniel Alves

Dani Alves

​Nas laterais, difícil haver algum debate. Daniel Alves, que por muito tempo figurou entre os melhores de sua posição no futebol mundial, foi um substituto à altura para Cafu. Não é errado dizer que o camisa 13 é até mais técnico que seu antecessor, lendário por 2002.


Thiago Silva

Thiago Silva

Por falar em jogador confiável, o que dizer de Thiago Silva? Performa em altíssimo nível há anos, sendo um líder técnico dentro das quatro linhas e uma figura importante nos vestiários, não à toa portou a braçadeira de capitão em tantas ocasiões.


Miranda

Miranda

Gil, Dante, David Luiz... Nenhum passou a segurança que Miranda transmitia ao vestir a camisa da Canarinho. Por dialogar muito bem em campo com Thiago Silva, formaram uma dupla de zaga muito forte e complementar ao longo desta década.


Marcelo

FBL-WC-2018-MATCH58-BRA-BEL

Não tem figurado nas convocações recentes de Tite, mas é, por milhas de distância, o nosso melhor lateral-esquerdo em atividade. É uma arma poderosa ofensivamente por sua habilidade, visão de jogo e qualidade no passe. Possivelmente, o melhor de sua posição nesta década.


Casemiro

Casemiro

Aos 27 anos e muita 'lenha para queimar' ainda com a camisa da Seleção, Casemiro já figura entre os volantes com mais aparições com a Amarelinha na década. É, há alguns anos, um dos poucos nomes não-contestados. Desarma, marca e apoia, jogador completo.


Paulinho

Paulinho - Midfielder - Born 1988

Fechando a dupla de volantes, temos aquele que mais marcou gols pela Seleção nesta década. Volante-artilheiro de enorme qualidade no apoio e no jogo aéreo, jogou em alto nível por bons anos na Seleção, batendo as concorrências de Ramires e Fernandinho.


Kaká

Kaka

Os grandes anos de Kaká moram na reta final da década passada, é verdade, mas a Seleção contou com seus serviços até 2016, ano de sua última convocação. Arrancada, vigor, potência, finalização... A Canarinho ainda sofre em busca de um 'sucessor' para o meia.


Ronaldinho Gaúcho

Brazil's midfielder Ronaldinho during th

O 'bruxo' belisca vaga neste XI ideal por sua genialidade, não tanto por serviços prestados à equipe nesta década, já que sua última aparição com a camisa 10 aconteceu em 2013. É a grande referência de toda uma geração de brasileiros.


Neymar

Brazil v Nigeria - International Friendly

Considerando números/partidas oficiais, é o quinto jogador com mais aparições pela Seleção (101 jogos) e terceiro com mais gols anotados (61). Não é unanimidade entre os torcedores, mas é, sem dúvida, o melhor e mais prolífico jogador da Canarinho nesta década.


Luís Fabiano

Brazil's striker Luis Fabiano (L) eyes t

Não é segredo pra ninguém que a camisa 9 é a que mais traz 'dor de cabeça' nesta década. Entre Luís Fabiano, Fred e Gabriel Jesus, o primeiro é quem carrega melhor média de gols. Fez uma boa Copa do Mundo em 2010, um dos poucos a se salvar na equipe.


Técnico: Tite

Adenor Bacchi (Tite)

A Seleção Brasileira teve quatro técnicos somente nesta década, evidência de como as coisas não deram muito certo para nós nesses anos. Tite é quem mais se aproximou de tentar fazer a Canarinho voltar a jogar pra frente, ofensivamente, como manda seu DNA. Seu trabalho tem defeitos e parece involuir, mas também é o com mais virtudes se comparado à Mano e Dunga.