​O Corinthians chega ao final da temporada com alguns motivos para que a torcida do ​Timão tenha esperanças de dias melhores em 2020. A vaga na Libertadores foi conquistada, porém o Coringão terá que disputar as fases preliminares da competição continental. Além disso, um dos melhores treinadores do país, Tiago Nunes, acertou com a equipe e comandará o clube no próximo ano.


Clayson

O treinador só assume em janeiro, mas já vai trabalhando nos bastidores para viabilizar contratações e também saídas do atual elenco do Timão. Um dos jogadores que não está nos planos de Tiago é o atacante Clayson, que perdeu espaço nas últimas partidas pelo surgimento de Janderson. A informação é do repórter Gustavo Bueno.


A torcida do Corinthians tinha como principais críticas ao atleta a falta de objetividade. Mesmo que se destacasse por sua velocidade e pelos dribles, a conclusão de Clayson sempre foi um problema. O jogador de 24 anos soma apenas 11 gols em três temporadas jogando pelo Timão. Em 2019, foram 7 bolas na rede em 62 partidas, várias delas entrando como opção no segundo tempo.


Revelado pelo União São João, o atleta tem passagens pelo Ituano e pela Ponte Preta, onde se destacou e foi contratado pelo Corinthians. Em maio de 2017, à época da contratação, o clube do Parque São Jorge pagou R$ 3,5 milhões por um contrato de quatro anos com o atleta e ainda cedeu os jovens Léo Artur e Claudinho em definitivo para a Macaca de Campinas. Clayson ainda não recebeu sondagens de outras equipes.