​Luiz Adriano, Borja, Deyverson e Henrique Dourado. Atualmente, o elenco do ​Palmeiras conta com esses quatro centroavantes. Pois apenas o primeiro, contratado no meio da temporada e com vínculo até junho de 2023, tem permanência garantida na Academia de Futebol para o ano que vem. 



Deyverson


Com sete gols em 12 jogos com a camisa alviverde, Luiz Adriano é considerado um nome a se tornar referência dentro do atual plantel alviverde por todo o seu histórico. Com isso, tudo leva a crer que atletas que davam as caras até então no setor ofensivo do time devem ter um novo destino. Deyverson, com contrato até a metade de 2022, e Borja, que é jogador do clube até o final de 2021, podem enfim ser negociados - Henrique Dourado, com empréstimo por vencer agora em dezembro, retornará ao Henan Jianye, da China.


FBL-LIBERTADORES-PALMEIRAS-GODOYCRUZ


E convenhamos: deste quarteto, o único que ainda tem bastante a contribuir com o Palmeiras é realmente Luiz Adriano. Está na hora de o clube se desapegar de nomes que deram sua contribuição em um passado recente, sendo importantes, por exemplo, na conquista do Campeonato Brasileiro de 2018, e apostar em quem realmente pode acrescentar algo daqui em diante. 


Henrique Dourado


​Flamengo fez se elevar o nível de exigência dentro do futebol brasileiro, e é somente dando espaço para nomes com poder de decisão aguçado que o Verdão terá condições de competir com o rival carioca. O plantel é, sim, bastante bom, mas para conquistar títulos de expressão não adianta apenas isso. Na hora "h", é preciso ter "o cara". E nada melhor, para quem possui dinheiro para investir, do que ir atrás de goleadores natos.