De olho no planejamento em 2020, o departamento de futebol do ​São Paulo já definiu a situação de alguns jogadores que estão emprestados é deverão voltar ao Tricolor Paulista no próximo ano ou permanecer onde está. Nesta situação encontra-se um meia-atacante cujo retorno ao Morumbi deverá acontecer com o fim do seu contrato de empréstimo; todavia, não há ainda decisão pela comissão técnica sobre seu destino.

Trata-se do meia-atacante Shaylon, que pertence ao São Paulo e está emprestado ao Bahia até o final deste ano. O jovem não está nos planos do técnico Roger Machado para ser aproveitado pelo Esquadrão de Aço no ano que vem. De acordo com o jornalista Paulo Giacomelli, o Tricolor Baiano não tem a intenção de exercer a compra do jogador e já comunicou a equipe são-paulina.


Shaylon

Shaylon chegou ao Bahia no final do ano passado por empréstimo até o final do ano, mas no começo começou a ser utilizado pelo técnico Roger Machado e depois perdeu espaço com a chegada de outros reforços. Diante desta situação, o São Paulo ouviu da própria diretoria do time baiano que o jogador voltará ao clube após o término do empréstimo e que não será exercido a compra do meia. 

Não é de hoje que a diretoria do São Paulo tem emprestado jogadores de seu atual plantel para outros clubes do Brasil e do exterior com objetivo de buscar experiência, caso do jovem meia-atacante que está com o empréstimo expirando no Bahia. Além do jogador, o gestor de futebol, Raí, deverá tratar a situação de outros jogadores que estão cedido para definir quais serão os próximos passos.