​A interminável novela envolvendo ​Neymar ganhou mais um capítulo nesta semana. Fazendo jogo duro às investidas/sondagens de Barcelona e Real Madrid, o Paris Saint-Germain parece ter chegado a uma conclusão definitiva: não negociará seu camisa 10 enquanto não tiver acertado com uma reposição de peso. Nos bastidores do clube, o alvo favorito já está traçado, e ele vem do futebol italiano.


De torcedor para torcedor: clique aqui e siga o 90min no Instagram!

Paulo Dybala

​​De acordo com a apuração do ​UOL Esportes, a diretoria parisiense já abriu conversas com os representantes de Paulo Dybala, meia-atacante de 25 anos que pertence à Juventus. O jogador chegou a ser ventilado em Manchester United e Tottenham durante a janela de transferências na Inglaterra, mas nenhuma das negociações prosperou, muito em função do desejo do argentino em permanecer no clube de Turim.


Após a derrota por 2 a 1 para o Rennes pela segunda rodada do Campeonato Francês, o treinador do time parisiense, Thomas Tuchel, reforçou a necessidade de uma reposição caso a decisão do clube seja por negociar Neymar: "Ele não vai sair sem que a gente consiga contratar alguém. Isso não é possível. Se a gente perder o Neymar, a gente não pode perdê-lo sem trazer alguém. Isso é óbvio", afirmou. 

FBL-EUR-C1-BARCELONA-JUVENTUS

Uma das possibilidades que despontava como contrapeso à provável saída do brasileiro era Philippe Coutinho, mas o meia fechou nesta semana com o ​Bayern de Munique. Desta forma, o nome de Dybala começa a ganhar mais forças na cidade luz, com seu nome já aprovado pela comissão técnica do PSG. Procurada pela reportagem do UOL Esportes, a assessoria do meia-atacante argentinou negou qualquer contato oficial do clube francês, por ora.