Em fevereiro, o ​Corinthians anunciava a contratação do volante Junior Urso, vindo do futebol chinês e que assinava por três temporadas com o Alvinegro. Seis meses depois, ele é titular absoluto da equipe comandada por Fábio Carille, exatamente o personagem principal para a vinda do atleta ao Parque São Jorge. E olha que o meio-campista de 29 anos estava no radar de dois clubes rivais do Timão no começo do ano. 


Em entrevista ao programa "Bola da Vez", da ESPN Brasil, Urso admitiu que estava viajando no final de janeiro para o Brasil com o irmão com convites de Flamengo e São Paulo engatilhados. Vale lembrar que o volante já tinha defendido a camisa do Atlético-MG em 2016. Só que uma ligação de Carille fez o coração do volante corintiano disparar em pleno voo


Junior Urso,Dudu

"Surgiu essa situação de de ir para o Flamengo e para o São Paulo, sou muito grato aos clubes que se interessaram por mim, eles têm meu respeito, as coisas estavam encaminhadas para ir para esses clubes. Quando eu estava no voo com meu irmão, queria me conectar à internet. Daí tinha uma ligação perdida, em seguida chegou um áudio e ouvi a voz do Carille. Ele queria saber se poderia falar comigo e meu coração disparou", contou o camisa 30. 


"Na hora, já sabia que era o Corinthians. Em seguida, o Duílio (Monteiro Alves, diretor de futebol do clube) entrou em contato comigo e, daí em diante, eu sabia que jogaria no Corinthians. Meu irmão chegou até a me dizer para me acalmar, que não era assim que as coisas funcionavam, mas eu já estava certo. Era uma coisa que eu estava esperando muito", completou Urso. 

Em sua ainda curta passagem pelo Corinthians, o volante ajudou a equipe a ser tricampeã do Campeonato Paulista de maneira consecutiva. Urso jogou os dois tempos, no último sábado (17), contra o Botafogo, partida que acabou com vitória do Timão por 2 a 0 em Itaquera. Os alvinegros estão em quinto lugar no Campeonato Brasileiro com 27 pontos, a cinco do líder Santos. Na Copa Sul-Americana, enfrentam o Fluminense por vaga nas semifinais.