​O jovem Pedrinho é a grande revelação das categorias de base do Corinthians nos últimos anos. Em sua terceira temporada como profissional, o meia-atacante de 21 anos já teve especulações para deixar o Parque São Jorge, mas as possíveis tratativas não avançaram. Cada vez mais protagonista no clube, o garoto vive temporada artilheira, com cinco gols assinalados em 2019, sua melhor marca na carreira.


Nas últimas semanas, assim como já ocorreu em outras janelas de transferências do futebol europeu, o jogador corintiano voltou a ser assediado por clubes do exterior. Depois do fechamento do período de negociações da Inglaterra, no último dia 8 de agosto, equipes de outros grandes centros, como França, Espanha, Itália e Alemanha, seguem com a possibilidade de contratar até 2 de setembro.


Pedrinho

Titular em oito dos sete jogos do Corinthians após a Copa América - perdendo apenas um dele contra o Montevideo Wanderers na Sul-Americana por conta de suspensão, Pedrinho tem contrato vigente até o final de 2020 e, ao menos neste momento, não pensa em deixar o clube. Com uma multa rescisória de 50 milhões de euros, o meia-atacante está focado em aproveitar as oportunidades e dar alegrias aos fiéis torcedores. 


"Não recebi proposta alguma, não fiquei sabendo de nada, creio que só foram sondagens, sei que o tempo que ficar no Corinthians vou dar o meu máximo, meu empresário não me falou nada se teria agora ou no final do ano. Tenho certeza que vou ficar o máximo de tempo aqui no Corinthians para dar alegria à torcida", disse o atleta, em entrevista coletiva na manhã desta terça-feira (13). 


"É importante na vida de um jogador, sempre tive isso na cabeça, almejei ser protagonista da equipe, não ser só mais um, venho trabalhando ao máximo para ajudar o Corinthians. Esse é um ano importante para mim, venho ajudando a equipe cada vez mais, mas tem que seguir evoluindo", adicionou.

Desde 2017 entre os profissionais, Pedrinho acumula 108 atuações com a camisa alvinegra e oito gols marcados. "O fato de a gente estar jogando aumenta o desejo de ficar, sei que pode ajudar mais a equipe. Eu venho trabalhando para isso, cada vez mais me tornar o jogador que sonhei. Fico feliz de estar tendo essas oportunidades, espero ajudar ao máximo", completou o jovem.